Política | George Soros

Bilionário doa R$ 5 milhões ao Governo do Maranhão

O recurso será viabilizado por meio da Open Society Foundation, fundação do húngaro-estadunidense.
Gilberto Léda23/07/2020 às 10h22
Bilionário doa R$ 5 milhões ao Governo do MaranhãoAgência EFE

SÃO LUÍS - O bilionário George Soros, forte opositor do conservadorismo ao redor do mundo, decidiu ajudar o Governo do Maranhão em meio à pandemia do novo coronavírus.

A gestão Flávio Dino (PCdoB) receberá US$ 1 milhão, algo em torno de R$ 5,2 milhões em conversão direta.

O recurso será viabilizado por meio da Open Society Foundation, fundação do húngaro-estadunidense.

“Dinheiro será destinado a ações sociais, apoio à agricultura familiar e na área da saúde”, destacou Dino em sua conta no Twitter.

Na manhã desta quinta-feira, 23, o governador maranhense participou de uma live com Pedro Abramovay, diretor da Open Society Foundation para a América Latina e Caribe.

Segundo ele, o fato de o Maranhão fazer parte da região amazônica contribuiu para a escolha do estado como destino do dinheiro.

A Open Society, fundação criada por Soros em 1993, é conhecida por apoiar diversas iniciativas de esquerda ao redor do mundo.

Investimento - Durante entrevista coletiva, o governador Flávio Dino explicou como será investido o dinheiro. Segundo ele, R$ 1,5 milhão será aplicado na aquisição de medicamentos.

"Porque ainda mantemos, neste momento, mais de 500 pessoas internadas na rede estadual", destacou, apontando que o recurso chegou "em boa hora" porque, ainda em virtude da pandemia, os insumos escassos e há dificuldade de compra em virtude da alta de preços.

Aproximadamente 4 mil itens de insumos de saúde também serão adquiridos.

No campo social, haverá aplicação de R$ 1,8 milhão para a compra de 30 mil cestas básicas direto de agricultores familiares. Os produtos serão distribuídos em 75 municípios maranhenses.

Além disso, o governo vai destinar uma parte do dinheiro para a compra de máscaras caseiras fabricadas por costureiras maranhenses.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte