Cidades | Transtornos

Esgotos estourados em avenida deixam condutores em risco

Pelo menos cinco pontos da Avenida dos Africanos estão na situação, que é motivo de reclamações
Nelson Melo / O Estado09/01/2020
Esgotos estourados em avenida deixam condutores em riscoEsgoto estourado na Avenida dos Africanos prejudica trânsito na via (De Jesus / O ESTADO)

O risco de acidentes é grande na Avenida dos Africanos, com vários esgotos estourados ao longo da via. Em trechos distintos, a situação está causando lentidão no trânsito, entre outros problemas. Um dos pontos mais críticos fica nas proximidades do acesso à Avenida dos Franceses, na altura do bairro Coheb-Sacavém, onde até um para-choque de veículo foi improvisado no local, para impedir que os veículos caiamno buraco.

Conforme O Estado apurou no local, os esgotos com problemas estão sendo motivo de reclamação de comerciantes, condutores e moradores. Em frente à Estrada da Vitória, no bairro Sacavém, a tampa de uma das galerias foi retirada, o que deixou um buraco com água suja. A abertura na pista só é notada porque pneus de carros e um para-choque foram colocados ao redor.

A água do esgoto escorre pela extensão da avenida, o que incomoda quem trabalha ali. O funcionário de uma oficina mecânica contou que o problema começa, na verdade, nos prédios que foram construídos às margens da Avenida dos Franceses, nas proximidades.

Outros trechos
Em outros pontos da avenida, outros esgotos estourados causam transtornos equivalentes. Um dos trechos fica em frente à Rua 9. O buraco criou ondulações na pista, que funcionam como quebra-molas. Os veículos passam pelo local em velocidade reduzida.

Em nota, a Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão (Caema) informou que, recentemente, finalizou serviço de implantação de rede de esgoto na área. Neste momento, o trabalho já está na fase de reasfaltamento. No entanto, as fortes chuvas têm atrapalhado o cronograma. O asfaltamento da área deverá ser concluído o mais breve possível.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte