Política | Cibercrime

Hacker invade celular de Moro e controla aplicativos por seis horas

Celular do ministro da Justiça foi hackeado às 18h de terça (04)
O Estado MA05/06/2019 às 18h40
Hacker invade celular de Moro e controla aplicativos por seis horasO ministro da Justiça Sergio Moro (Divulgação)

O telefone celular do ministro da Justiça, Sergio Moro, foi invadido por um hacker ontem (4). A ação forçou o ministro a cancelar a linha. A Polícia Federal e o setor de tecnologia do Ministério da Justiça investigam o caso. Informações preliminares dão conta de que o invasor controlou aplicativos de troca de mensagens de Sérgio Moro por cerca de seis horas.

A invasão aconteceu por volta das 18h e se estendeu até 1h da manhã. Moro atendeu uma ligação do próprio número, mas não havia ninguém do outro lado da linha. Minutos depois ele foi informado que estavam sendo trocadas pelo Telegram.

Ainda no ano passado foi preso Leonel Pires Júnior em São Luís. Ele foi acusado de invadir celulares de políticos de todo o Brasil, entre eles os deputados estaduais Váleria Macedo e Adriano Sarney. Após capturarem números de pessoas que estavam na lista de contatos, criminosos começaram a pedir depósitos em dinheiro em uma conta bancária do Banco do Brasil em São Luís.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte