Temer Livre

Superior Tribunal de Justiça (STJ) decide libertar Michel Temer por unanimidade

Todos os ministros do Supremo Tribunal de Justiça decidiram pelo habeas corpus que deve colocar ex-presidente em liberdade

O Estado MA

- Atualizada em 11/10/2022 às 12h25
Ex-presidente Michel Temer deve ser solto nas próximas horas
Ex-presidente Michel Temer deve ser solto nas próximas horas (temer)

BRASÍLIA - Os quatro ministros da Sexta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiram libertar, provisoriamente, o ex-presidente Michel Temer. Antônio Saldanha, Laurita Vaz, Rogério Schietti e Néfi Cordeiro concederam habeas corpus que deve colocá-lo em liberdade. Temer está preso na sede do Comando de Policiamento de Choque da Polícia Militar, em São Paulo.

A decisão unanime deve colocar, além do ex-presidente, seu assessor e amigo João Baptista. Os dois ficarão em liberdade pelo menos até o julgamento definitivo do mérito do habeas corpus, pela própria Sexta Turma, em data não definida.

Medidas cautelares

Os ministros decidiram pela substituição da prisão por medidas cautelares: proibição de manter contato com outros investigados; proibição de mudança de endereço e de se ausentar do país; entregar o passaporte; bloqueio dos bens até o limite de sua responsabilidade; não contato com pessoas jurídicas relacionadas ao processo; proibição de exercer funções de direção em órgãos partidários.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.