Esporte | Seleção Brasileira

Fora da convocação, Cássio diz entender Tite e elogia escolhidos

Goleiro do Corinthians não foi lembrado por Tite e ficou de fora da convocação da Seleção Brasileira para os amistosos
Gazetapress03/03/2019 às 07h00
Fora da convocação, Cássio diz entender Tite e elogia escolhidosCássio em treino da equipe do Corinthians (Divulgação/Corinthians)

São Paulo - Mesmo após brilhar nos pênaltis e garantir a classificação do Corinthians na Copa Sul-Americana, o goleiro Cássio não foi lembrado por Tite e ficou de fora da convocação da Seleção Brasileira para os amistosos contra Panamá e República Tcheca, programados para os dias 23 e 26 de março, respectivamente.

Da emoção diante do Racing, a decepção da relação escolhida pelo treinador do Brasil, Cássio se mostrou tranquilo em entrevista coletiva realizada nesta sexta-feira, elogiou os arqueiros chamados e mirou seguir evoluindo no Corinthians para voltar à Seleção.

“Não mexe comigo (ficar de fora da convocação), mas isso não quer dizer que eu não queria estar (na seleção). Claro que eu quero estar lá, mas tenho que respeitar a escolha porque todos têm seu mérito, todos trabalham e dedicam. Os três goleiros que foram convocados vêm muito bem: o Alisson e o Ederson, o Weverton foi campeão brasileiro agora e é uma cara que está jogando muito bem. Tem até outros goleiros que, assim como eu, poderiam ser convocados”, analisou.

“É preciso ter o respeito. Se eu consegui chegar na Copa do Mundo não foi ficando chateado, mas sim me dedicando e sabendo que o Corinthians, com regularidade e títulos, poderia me levar à Seleção. Vou continuar fazendo meu papel aqui e quando o professor achar que eu devo ser convocado vou estar preparado para poder ajudar”, completou.

Aos 31 anos, Cássio já foi convocado para a Seleção Brasileira 14 vezes, inclusive na Copa do Mundo da Rússia, mas só foi titular em uma oportunidade: na vitória verde e amarela diante do Japão por 3 a 1, em novembro de 2017, quando atuou por 45 minutos.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte