Cidades | Operação Viduitatis

Operação combate crimes previdenciários em São Luís

A operação tem como objetivo de acabar com um esquema criminoso em que documentos públicos eram falsificados para a concessões de benefícios da pensão por morte
OESTADOMA.COM21/08/2018 às 12h32
Operação combate crimes previdenciários em São LuísOperação foi realizada em São Luís. (Reprodução / Internet)

SÃO LUÍS - Foi deflagrada, na manhã desta terça-feira (21), em São Luís, uma operação da Polícia Federal com o objetivo de acabar com um esquema criminoso em que documentos públicos eram falsificados para a concessão de benefícios da pensão por morte.

A operação, chamada de “Viduitatis”, que vem do latim e significa viuvez, está sob o comando da Polícia Federal. As investigações foram iniciadas em 2014 e levaram à identificação desse esquema criminoso. De acordo com informações da própria polícia, já foram cumpridos 15 mandados de busca e apreensão, aresto de bens em nomes dos investigados, além da determinação para que o INSS bloqueie o pagamento de oito benefícios que ainda se encontram ativos.

No total, 13 pessoas eram titulares dessas pensões e pertenciam a um mesmo grupo familiar. Os criminosos contavam com a participação de uma agenciadora, que era titular de uma pensão por morte irregular, e de um ex-servidor da autarquia previdenciária.

Ainda de acordo com a polícia, os envolvidos no esquema foram indiciados por estelionato previdenciário e associação criminosa. As penas acumuladas para esse tipo de crime podem ser de oito meses até nove anos de prisão. O prejuízo calculado fica em torno de R$ 4,5 milhões de reais.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte