Cidades | Espaços da cidade

Reserva do Itapiracó: prestigiada à noite, apesar da fraca iluminação

Criada em 2014 pelo Governo do Estado, a área, que preserva parte da vegetação remanescente da Floresta Amazônica, é atualmente espaço para vários amantes de práticas esportivas, mas ainda tem problemas
Thiago Bastos / O Estado09/06/2018

Inaugurada em dezembro de 2014 como um ponto de preservação de um dos biomas mais importantes do planeta, a Reserva do Itapiracó, em São Luís, tornou-se rapidamente um dos locais mais frequentados na cidade por quem deseja, em especial, praticar atividades físicas. À noite, o número de pessoas que circulam pela área, de pouco mais de 322 hectares, costuma aumentar de maneira considerável. Apesar da boa procura, O Estado constatou que quem usa a reserva a partir das 19h precisa lidar com alguns problemas. Um deles é a precária iluminação em vários pontos, o que, de acordo com os usuários, eleva os riscos de assaltos.

Para continuar aproveitando o conteúdo de O Estado faça seu login ou assine.

Já sou assinante

entrar

Ainda não sou assinante

assine agora

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© 2019 - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte