Geral | Transferência

Maluf voa para casa, para prisão domiciliar

Deputado afastado Paulo Maluf estava preso em regime fechado desde o dia 22 de dezembro, por ordem de outro ministro da Corte, Edson Fachin
Estadão Conteúdo30/03/2018 às 13h15
Maluf voa para casa, para prisão domiciliarDeputado afastado Paulo Maluf, 86 anos. (Divulgação)

BRASÍLIA - O deputado afastado Paulo Maluf, 86 anos, será transferido de Brasília para São Paulo, onde vai cumprir pena em regime de prisão domiciliar humanitária por ordem do ministro Dias Toffoli, do Supremo.

Condenado a 7 anos, nove meses e dez dias por crime de lavagem de dinheiro quando exercia o cargo de prefeito de São Paulo (1993/1996), Maluf estava preso em regime fechado desde o dia 22 de dezembro, por ordem de outro ministro da Corte, Edson Fachin

Na última quarta-feira (28), Toffoli deu liminar e autorizou "prisão domiciliar humanitária" para o parlamentar. Nesta sexta-feira (30), Maluf teve alta do hospital particular para onde foi levado na madrugada da quarta, 28. A defesa alega que Maluf tem a saúde muito fragilizada, com diversas complicações. Em São Paulo, Maluf seguirá direto para sua casa.

No jatinho particular que o trará a São Paulo, o ex-prefeito está acompanhado de dois advogados, de um antigo assessor e de um médico.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte