Cidades | Rebanhão

Católicos se reúnem em eventos para ouvir a Palavra e se divertir

Louvai e Adorai e o já tradicional Rebanhão dão aos jovens e adultos a oportunidade de participar do carnaval sadio, sem deixar a espiritualidade
Adriano Martins27/02/2017
Católicos se reúnem  em eventos para ouvir  a Palavra e se divertir  Jovens mostram alegria no Rebanhão que começou ontem no Castelinho (Flora Dolores / O ESTADO)

Para algumas pessoas, o carnaval está troando desde sexta-feira, 24, mas outros preferem a calma e a tranquilidade de um evento menos carnal. Ontem pela manhã, por exemplo, milhares de católicos se reuniram no Ginásio do Colégio Dom Bosco, no Renascença, para o evento Louvai e Adorai, enquanto que outros foram para o Ginásio do Castelinho, para o já tradicional Rebanhão.

O primeiro segue amanhã, dia 28, e conta com pregadores locais e nacionais, além de muita música e diversão para os jovens e adultos presentes. Como afirmou o padre Hércules Daniel, da Comunidade Adoração e Missão, de São Paulo, e um dos palestrantes do evento, o sentido do carnaval é dizer adeus à carne, é uma festa cristã, que com o tempo foi deturpada em seu sentido original, por conta disso, os católicos se reúnem para retornar o significado original. “O carnaval tem sentido de alegria e os retiros que ocorrem em todo o Brasil tentam dar outra oportunidade para se brincar de formar sadia”, esclarece o padre.

E diversão é o que não falta no evento. São músicas, brincadeiras para as crianças, comida, além de palavras e pregações. “É uma oportunidade a mais. Temos muitos testemunhos de jovens que vieram para eventos como estes e abandonaram as drogas, acharam outra vida. Mas claro, que fazemos tudo isso sem condenar os que brincam nas ruas”, afirma o padre Hércules.

Rebanhão
Já no Ginásio Castelinho está sendo realizado, também até amanhã, o mais tradicional encontro católico do estado. São 25 anos de Rebanhão. Realizado pela Renovação Carismática Católica (RCC), da Arquidiocese de São Luís do Maranhão o evento ocorre das 8h às 18h, com entrada franca.

Gente de todo o estado, católicos ou não, se reúnem para se divertir, mas sem deixar a espiritualidade de lado, com base no tema “Meu espírito exulta de alegria”. Durante os três dias são momentos de oração, escuta da palavra, adoração ao Santíssimo Sacramento, shows com a banda Parresia (Comunidade Shalom) e ministérios de música da RCC, celebração Eucarística, contando ainda com a oportunidade de viver o sacramento da reconciliação, uma vez que nesses dias, diversos sacerdotes estarão disponíveis para atender aos fiéis.

Diversos pregadores participam do evento, como o Arcebispo de São Luís, dom José Belisário, o diácono Gilson da Conceição Silva, diretor Espiritual da RCC da Diocese de Coroatá, e o padre André Rodrigues, da Arquidiocese do Rio de Janeiro, assessor do Brasil no Conselho Carismático Católico Latino-americano (CONCCLAT). “Esta é uma alternativa que a igreja dá. Existe um público que não se identifica com o carnaval. As pessoas querem mais calma e a igreja acertou na proposta de fazer algo específico”, afirmou o Padre André.

Para o evento, no ginásio, foi montada uma estrutura com lanchonetes, posto de atendimento de saúde, estandes para livrarias e até um bazar. Além disso, existe o espaço do Rebanhãozinho, especialmente para divertir e evangelizar as crianças. A programação infantil conta com teatro, brincadeiras, músicas e adoração ao Santíssimo Sacramento.

Leia mais notícias em OEstadoMA.com e siga nossas páginas no Facebook, no Twitter e no Instagram. Envie informações à Redação do Jornal de O Estado por WhatsApp pelo telefone (98) 99209 2564.

© - Todos os direitos reservados.
Tamanho da
Fonte