Tiro

Homem é executado na MA-014, no município de Viana

A vítima foi alvejada nas costas, na cabeça e nos braços e, segundo a polícia, fazia parte de um bando especializado de roubo a bancos e suspeito de homicídio na Baixada.

Imirante.com

- Atualizada em 26/03/2022 às 18h27
O carro da vítima ficou marcado por tiros e vai ser periciado
O carro da vítima ficou marcado por tiros e vai ser periciado (Divulgação)

VIANA - Um homem, identificado como Luís Carlos Rocha Mendonça, também conhecido como Nenê ou Índio, de 35 anos, foi executado durante a manhã desta terça-feira (1), na MA-014, no bairro Quinta do Maracu, em Viana. De acordo com a polícia, Nenê fazia parte de um grupo especializado de roubo a bancos e já tinha sido preso acusado de porte ilegal de arma de fogo e homicídio na Baixada Maranhense.

Segundo a polícia, a vítima estava conduzindo um veículo Onix prata e quando chegou no bairro Quinta do Maracu foi abordado por dois homens, não identificados, que estavam em uma motocicleta Bros preta.

A vítima mesmo baleada conseguiu sair do carro, correu ainda cerca de 10 metros e caiu morto em uma área de matagal, localizado nas margens da rodovia estadual. A polícia informou que havia marcas de tiros na cabeça, nas costas e nos braços de Nenê.

O corpo da vítima foi removido para o hospital da cidade. Guarnições da Polícia Militar realizaram rondas na região, mas não conseguiram prender os suspeitos e o caso vai ser investigado pela equipe da Delegacia Regional de Viana.

Leia também em :

Motociclista morre carbonizado após acidente na MA-014 em Viana

Após praticarem assalto a residências e latrocínio, três homens morrem em confronto com a Polícia Militar em Viana

Bando criminoso

De acordo com a polícia, Luís Carlos Rocha faz parte de um bando criminoso especializado de roubo a bancos e sendo chefiado por um homem, identificado como Torquato. A quadrilha tem ramificações em outras cidades do interior do estado, principalmente, com Santa Inês.

A polícia também informou que Nenê tem passagem por homicídio, roubo e foi preso no dia 13 de janeiro de 2017 acusado de ter assaltado um banco, na cidade de São Mateus, ocorrido no dia 15 de dezembro de 2016.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.