Maus-tratos

VÍDEO: homem é preso em Imperatriz após agredir cadela que havia adotado

Vídeo das agressões serviu de base para a denúncia; suspeito foi solto após audiência de custódia.

Imirante.com / Imperatriz

- Atualizada em 17/10/2022 às 18h20

IMPERATRIZ - Um homem foi preso em flagrante, na última sexta-feira (14), por maus-tratos contra um animal, em Imperatriz, na região tocantina do Estado. O suspeito foi solto no domingo (16), após passar por audiência de custódia. 

De acordo com a Polícia Civil, o animal que sofreu as agressões é uma cadela que havia sido adotada há cerca de quatro meses pelo suspeito. Um vídeo em que o homem aparece agredindo o animal serviu de base para a denúncia.

A cadela foi resgatada por uma Organização Não Governamental (ONG) que oferece abrigo temporário até que os animais sejam adotados. O animal recebeu atendimento veterinário e, após o acompanhamento profissional, deve ir novamente para a adoção. A cadela apresentou hematomas e também deve ser castrada.

Praticar ato de abuso, maus tratos, ferir ou mutilar qualquer animal é crime previsto na Lei de Crimes Ambientais que pode ter pena de dois a cinco anos de prisão, multa e proibição da guarda.

O delegado regional de Imperatriz, Alex Coelho, informou que foi lavrado um auto de prisão em flagrante e será aberto um inquérito para investigar o caso.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.