Eleições 2022

PM manda mais 2 mil policiais para reforçar segurança nas eleições no interior do MA

No total, 5 mil PMs atuarão no primeiro turno das eleições no interior.

Ipolítica

- Atualizada em 29/09/2022 às 15h55
Reforço policial partiu nesta quinta-feira (29) para o interior do Maranhão
Reforço policial partiu nesta quinta-feira (29) para o interior do Maranhão (Divulgação/Governo do Maranhão)

SÃO LUÍS - A Polícia Militar do Maranhão (PMMA) anunciou o embarque, nesta quinta-feira (29), de mais 2 mil policiais que permanecerão até a segunda-feira (3) em diversos municípios do interior do estado para reforçar a segurança durante o primeiro turno das eleições gerais de 2022. 

Segundo o Governo do Maranhão, o envio das tropas integra plano de ação da Secretaria de Estado de Segurança Pública (SSP-MA) para as eleições deste ano. No total, a PMMA enviou 5 mil militares do efetivo para operar durante o período eleitoral.

Leia mais: Decreto autoriza uso de Forças Armadas na segurança das eleições

“Todo o efetivo militar está disponível para este período eleitoral, para que possamos garantir a segurança aos maranhenses que forem votar e exerçam sua cidadania com tranquilidade. Antecipamos nosso plano de ação e desde o mês de agosto há tropas militares em municípios do interior do Estado. E hoje, cumprimos mais uma etapa do planejamento com o envio de mais reforços. Tudo para que a votação ocorra dentro da normalidade”, pontuou o comandante geral da PMMA, coronel Emerson Bezerra.

Os militares seguirão 21 rotas com destino às cidades do interior. Eles atuarão nos 217 municípios maranhenses e para cobrir todo o estado, a SSP-MA destacou 11 mil policiais militares, além de efetivo do Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão (CBMMA), Polícia Civil e Centro Tático Aéreo (CTA), que atuará com aeronaves e viaturas, na capital e interior. A operação tem apoio das Polícia Federal (PF) e Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Antes do embarque, o comandante geral da Polícia Militar, coronel Emerson Bezerra, vai orientar a tropa sobre procedimentos que deverão ser tomados para que o processo eleitoral ocorra dentro da normalidade.

Algumas cidades do interior do estado já receberam efetivos de tropas especiais. “Caso haja necessidade de permanência das tropas nas cidades destacadas, o efetivo será mantido nos locais”, ressaltou o coronel Emerson Bezerra.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.