Obras

Deputado pede intervenção no tráfego da BR-135

César Pires sugeriu atuação conjunta do Exécito, DNIT e PRF entre Bacabeira e Santa Rita.

Ipolítica

- Atualizada em 03/08/2022 às 11h27
Grandes congestionamentos est!ao sendo registrados no trecho da obra
Grandes congestionamentos est!ao sendo registrados no trecho da obra (Foto: Thomaz Silva/Agência Brasil)

SÃO LUÍS - O deputado César Pires (PSD) usou a tribuna da Assembleia Legislativa, nesta terça-feira (2), para fazer um apelo ao Exército, ao Departamento de Infraestrutura Terrestre (DNIT) e à Polícia Rodoviária Federal (PRF) para que atuem na organização do trânsito na BR-135, no trecho entre Bacabeira e Santa Rita.  O parlamentar destacou que os veículos estão ficando mais de três horas parados em um enorme engarrafamento devido à obra de recapeamento asfáltico, o que submete as pessoas a inúmeros transtornos.

“Na semana passada fiquei três horas e trinta e oito minutos naquele engarrafamento e gravei um vídeo para alertar as autoridades competentes quanto aos problemas enfrentados por quem precisa trafegar naquele trecho da BR-135. Mas pelo visto até hoje nada foi feito, pois as reclamações das pessoas continuam chegando ao nosso gabinete”, relatou César Pires.

A total desorganização do tráfego na BR-135 prejudica a saúde dos pacientes que são transportados em ambulâncias, assim como crianças e idosos que são submetidos à longa espera no meio da estrada. “Tudo isso por conta do visível despreparo dos soldados do Exército ali colocados para organizar o trânsito. E onde está o DNIT, não teria que fiscalizar? E a PRF, não está vendo o caos ali instalado?”, questionou o deputado.

César Pires finalizou seu pronunciamento fazendo um apelo ao Exército, para que envie soldados mais capacitados para atuar na orientação do trânsito, e também cobrou a intervenção do DNIT e da PRF, para que intervenham a favor da população. “Fica aqui o meu apelo, em nome de todos aqueles que trafegam na BR-135, no trecho entre Bacabeira e Santa Rita”, concluiu ele.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.