Após convenção

MDB tem até 5 de agosto para definir sobre apoio a Dino

Data também marca o prazo final para as convenções partidárias.

Gilberto Léda/ipolítica

- Atualizada em 22/07/2022 às 11h58
Roseana e Brandão em convenção que confirmou aliança
Roseana e Brandão em convenção que confirmou aliança (Paulo Soares / Grupo Mirante)

SÃO LUÍS - O prazo é curto para a direção estadual do MDB finalizar as conversas sobre o rumo do partido no que diz respeito à eleição para o Senado.

A sigla não lançou candidato a senador, nem governador, mas já confirmou, em convenção na tarde/noite de quinta-feira (21), apoio à reeleição de Carlos Brandão (PSB) para o Governo do Maranhão.

O companheiro de chapa do socialista para o Senado é o ex-governador Flávio Dino (PSB), mas este ainda não teve o nome chancelado pelos emedebistas.

A decisão ficou em aberto em ata. A data limite para esse tipo de decisão é 5 de agosto, quando se encerram as convenções partidárias.

Até lá, o partido deve conversar com lideranças socialistas para tratar do tema.

A ex-governadora Roseana Sarney, principal liderança do MDB maranhense, em atividade, tem dito que respeitará qualquer decisão da maioria da legenda - mesmo que seja favorável a Dino. Mas não tem garantido que encapará a campanha do seu ex-adversário político.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.