ESTADO ECONÔMICO

Agrobalsas está de volta em conectividade com o grande celeiro de grãos

Superintendente da Fapcen, Gisela Introvini, destaca a importância do evento para o Corredor de Exportação Norte.

imirante.com

Superintendente da Fapcen, Gisela Introvini, estima que o Agrobalsas movimente acima de R$ 4 bilhões (Divulgação/Ascom Fapcen)
Superintendente da Fapcen, Gisela Introvini, estima que o Agrobalsas movimente acima de R$ 4 bilhões (Divulgação/Ascom Fapcen)

Maior evento do agronegócio maranhense, o Agrobalsas está de volta após dois anos de pandemia. O evento, que este ano será realizado de 16 a 20 de maio, na Fazenda Sol Nascente, em Balsas, é uma vitrine de desenvolvimento, inovação, transferência de informações e de tecnologia. 

Promovido pela Fundação de Apoio à Pesquisa do Corredor de Exportação Norte (Fapcen), o Agrobalsas tem como tema este ano “Conectividade Cerrado, o Grande Celeiro”.

A importância do Agrobalsas para o agronegócio maranhense e para o Corredor de Exportação Norte é destacado pela superintendente da Fapcen, Gisela Introvini, nesta entrevista exclusiva ao Imirante.com.

Qual a expectativa da Fapcen e de toda a cadeia do agronegócio em relação à retomada do Agrobalsas após dois anos de pandemia?

A Fapcen, desde a primeira edição do Agrobalsas, utiliza essa ferramenta como uma projeção para o futuro. Então, como se observa desde início, quando nós elencamos as cultivares de soja da Embrapa, adaptadas às condições de clima e solo da região, e culturas associadas, como o milho, o algodão, incrementando a rotação de culturas, esse foi um papel importante da Fapcen, ao fomentar a produção das grandes commodities. Passado isso, nós discutimos as questões de logísticas, através do Tegram, e esse foi o objetivo da criação da Fapcen, promover o desenvolvimento sustentável do corredor de exportação norte, ou seja, a soja produzida nos estados do Maranhão, Piauí e Tocantins rumo ao Porto do Itaqui. Na edição de 2005 começamos a trabalhar com o sistema integração lavoura-pecuária-floresta, e hoje é uma realidade. Depois com a parte biológica, transgênica, todos esses assuntos foram lançados em primeira mão pela Fapcen na região para se tornar o potencial que é hoje. Pós-pandemia estamos voltando numa projeção de futuro, seguindo uma globalização acelerada pós-covid e com guerra, discutindo esse grande celeiro: o que nós somos, o que fazemos e para onde queremos ir.

Este ano o Agrobalsas traz como tema Conectividade Cerrado - O Grande Celeiro. Como você define essa relação?

Esse tema é essa construção de cenário, por onde passa a agricultura. Então veio a transgenia, a semente com qualidade física, fisiológica e sanitária, veio a automação, e ainda a agricultura de precisão, digital, sustentável, através da certificação de soja nas propriedades rurais, visando atrair uma visibilidade desse grande celeiro. Então, passando agora para discussão sobre o sequestro de carbono e também o projeto de produção, preservação e inclusão de pessoas, objetivando o incremento de produtividade para os pequenos produtores, valor da floresta em pé, do que existe nesses polos que plantam grãos, mas ainda são invisíveis. 

O Agrobalsas deste ano vai reunir quantos expositores e qual a expectativa de movimentação de negócios?

A nossa expectativa é movimentar acima de R$ 4 bilhões. Tanto os agentes financiadores do agronegócio, e desde a agricultura familiar a grandes empresas estão focados para esse incremento. Termos a participação de expositores de outros estados, pois estamos num momento de atração de novos investidores. 

Quais são as programações paralelas às técnicas?

A programação do Agrobalsas está distribuída em nove mesas-redondas, com temas que provocam nossos desafios, mas também que elencam as grandes oportunidades. Também temos em paralelo casamento comunitário, a Garota Agrobalsas, lançamento de campanhas, como a erradicação do abuso sexual de crianças e adolescentes, e em prol das pessoas com deficiência. Então teremos essas ações sociais interagindo com o evento. Haverá ainda grandes apresentações artísticas, a exemplo de César Menotti & Fabiano, Renato Teixeira, Russo, além de um ilusionista e de um humorista, e encerrando com a participação de Fábio Carvalho, que trará um tema importante que é “cuidando da nossa alma”.

Como você avalia a importância do Agrobalsas para o desenvolvimento dessa região e de todo o Cerrado?

Vejo o Agrobalsas como um ponto de encontro. A maior conquista da Fapcen são as instituições parceiras, que juntas, neste evento, transformam esse projeto de desenvolvimento, lançando ideias, criando momentos únicos, contribuindo para o que nós somos hoje.  

Espaço de Negócios

Ainda falando de Agrobalsas 2022, a Secretaria de Estado de Indústria e Comércio (Seinc) levará para o evento o Espaço de Negócios. Localizado no Pavilhão da Indústria, irá abrigar empresas de diversos segmentos, com destaque para o comércio local, potencializando o mercado e os empreendedores da região e fortalecendo a retomada econômica.

Nos cinco dias de evento, cerca de 45 empresas maranhenses e players relacionados aos segmentos trabalhados no Maranhão Mais Produtivo terão a oportunidade de expor e comercializar os seus produtos no Espaço de Negócios, que visam destacar o potencial comprador do mercado maranhense, a diversidade e a qualidade da produção local, além de fomentar novos negócios.

Eixos norteadores do TJMA

Governança, Resolutividade, Integridade e Transparência serão os quatro eixos da gestão do novo presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão, o desembargador Paulo Velten, para o biênio 2022-2024. 

Paulo Velten destacou que, alinhados com os macrodesafios do plano estratégico do Poder Judiciário para o sexênio 2021-2026, tais eixos nortearão as ações da Presidência e de toda a estrutura a ela subordinada, “como um verdadeiro norte, a indicar o propósito que cada diretor, cada liderança, deverá ter em conta na tomada de qualquer iniciativa ou na prática de algum ato”.

Moção de Cumprimentos

A nova diretoria-executiva da Associação Comercial e Industrial de Imperatriz foi homenageada pela Câmara Municipal de Imperatriz com uma Moção de Cumprimentos. 

A Moção, que foi sugerida por todos os vereadores e aprovada por unanimidade. Na sessão plenária, todos os 21 parlamentares marcaram presença para parabenizar a gestão liderada pelo presidente João Lira e pelo vice-presidente Carlos Lucena.

Também participaram da solenidade, além de toda a diretoria da ACII, presidentes do Conselho da Mulher Empresária (CME) e do Conselho do Jovem Empresário (Conjove).

Solenidade de Moção de Cumprimentos à nova diretoria da Associação Comercial e Industrial de Imperatriz (Divulgação)
Solenidade de Moção de Cumprimentos à nova diretoria da Associação Comercial e Industrial de Imperatriz (Divulgação)

Vacinação contra febre aftosa

A Agência Estadual de Defesa Agropecuária (Aged/MA) está acompanhando a primeira etapa da campanha de vacinação contra febre aftosa no estado, iniciada dia 1º e que se estende até 31 de maio, com a meta de imunizar mais de 9 milhões de bovinos e bubalinos de todas as idades. 

A Aged orienta os produtores sobre os procedimentos sanitários na hora de imunizar seus animais, o sentido de que dirijam de imediato às casas de revendas de vacina para aquisição do imunizante, para evitar contratempo da oferta do produto.

A comprovação de vacina nos escritórios da Aged ocorrerá até o dia 15 de junho.

VAREJO

Inscrições para a Expo Indústria

Os interessados em participar da Expo Indústria Maranhão, que acontecerá de 26 a 29 de maio, no Multicenter Negócios e Eventos, em São Luís, já podem se inscrever no evento, bastando para isso clicar no Menu Inscrições no site https://expoindustriama.com.br. Um dos diferenciais da Feira é que ao realizar a inscrição, o visitante receberá por e-mail e pelo WhatsApp, o QR code para ter acesso aos espaços, de forma rápida e sem a necessidade de impressão.

Programa de Estágio Suzano

Quem está em busca de trabalho na região de Imperatriz, deve ficar atento. A Suzano prorrogou as inscrições para o 2º ciclo do Plante o Futuro, Programa de Estágio Técnico da companhia. As inscrições seguem até dia 13 deste mês e as vagas são voltadas para pessoas com 18 anos ou mais, cursando nível técnico no período noturno em áreas como Papel e Celulose, Química, Segurança do Trabalho, Logística, Manutenção Mecânica, Manutenção Elétrica e Florestal, entre outras correlatas. 

Pesquisa CBIC

A Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC) está realizando uma pesquisa voltada para “Impactos dos desequilíbrios sobre os contratos”. O objetivo é melhor fundamentar as ações da CBIC voltadas à defesa de normativos que possibilitem o reequilíbrio econômico-financeiro dos contratos de obras de Engenharia – afetados, sobretudo, pela alta extraordinária e imprevisível do custo de materiais de construção.

MPE Global

Apesar das micro e pequenas empresas representarem 99% dos empreendimentos no país, sua participação no valor exportado ainda é baixa. Atualmente, das 25 mil empresas que exportam, uma a cada três (8,4 mil), são de pequeno porte e respondem por apenas 1% dos valores negociados. Para mudar essa realidade, o Sebrae e ApexBrasil lançaram o MPE Global, iniciativa com o apoio do Ministério das Relações Exteriores, que visa promover a participação de pequenas empresas das cadeias de alimentos, bebidas e moda na pauta de exportações brasileiras. 

Painel interativo

Dados sobre mercado de trabalho, população, educação e acesso a TV, internet e celular, investigados pela Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) Contínua, agora podem ser acessados em um painel interativo no Portal do IBGE. A ferramenta, lançada em parceria com a Organização Internacional do Trabalho (OIT), espacializa e facilita a visualização de informações da maior pesquisa domiciliar do país, por meio de mapas e gráficos interativos.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter e Instagram e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.