Banco do Nordeste

Setor produtivo rural maranhense tem aporte de R$ 208,5 milhões no 1º trimestre

Na comparação com o mesmo período de 2021, houve um crescimento de 77% em recursos destinado ao estado.

Imirante.com

Em toda sua área de atuação, o Banco do Nordeste destinou mais de R$ 1,13 bilhão em financiamentos
Em toda sua área de atuação, o Banco do Nordeste destinou mais de R$ 1,13 bilhão em financiamentos (Divulgação)

SÃO LUÍS - O Banco do Nordeste destinou, entre janeiro e março deste ano, R$ 208,5 milhões em financiamento ao setor produtivo rural maranhense, totalizando 490 operações de crédito. Na comparação com o mesmo período de 2021, houve um crescimento de 77%, considerando os R$ 117,4 milhões liberados nas 237 operações.

Em toda a área de atuação do banco – nove estados do Nordeste, mais partes de Minas Gerais e do Espírito Santo - mais de R$ 1,13 bilhão foram destinados a produtores rurais pessoa física. Esse valor é 124% superior ao volume financiado no mesmo período do ano passado. Desse resultado, R$ 803 milhões foram contratados com os portes prioritários: mini, pequeno e pequeno-médio produtor rural, que juntos, responderam por 80% dos valores contratados, num total de 3.520 operações de crédito, exceto agricultura familiar.

De acordo com o superintendente de Varejo e Agronegócio do BNB, Luiz Sérgio Farias Machado, as contratações do primeiro trimestre do ano são reflexos de diversas iniciativas do Banco visando à simplificação e melhoria no processo de crédito. 

“Estamos realizando diversas ações com produtores rurais de todos os portes, de forma on-line e presencial, como campanhas, encontros e reuniões, para difundir nossos produtos e programas de crédito, a exemplo do Cartão BNB Agro, que representa mais agilidade e comodidade parar o produtor. Também estão sendo realizadas diversas simplificações de crédito e fazer o FNE cada vez melhor”, afirma.

Umas das principais ações foi a mudança do produto cartão BNB Agro, que teve seu limite elevado de R$ 5 milhões para R$ 20 milhões, e o prazo ampliado de cinco anos para até 10 anos para operações amparadas por garantia de Limite de Crédito Garantido por Hipoteca (LCGH). Como consequência, as contrações com o cartão cresceram 135% no primeiro trimestre de 2022, em relação ao mesmo período em 2021.

O cartão BNB Agro é utilizado, principalmente, para aquisição de máquinas e equipamentos de forma ágil e sem burocracia. Luiz Sérgio afirma que as vantagens para esse tipo de operação são as características do produto, como crédito rotativo pré-aprovado, isenção de Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) e anuidade, além de proporcionar segurança nas transações com a geração de tokens exclusivos.

Por fim, Luiz Sérgio destaca que em função da importância do setor, as aplicações do Banco do Nordeste deverão continuar em crescimento. 

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.