Estelionatário

Homem é preso suspeito de estelionato e furto mediante fraude em São Luís

As investigações apontaram que o suspeito utilizava um aplicativo de relacionamento para conhecer as vítimas. Se passando por médico, ele seduzia e depois furtava as mulheres.

Divulgação/SSP-MA

- Atualizada em 27/03/2022 às 11h07

SÃO LUÍS - A Polícia Civil do Maranhão, por meio da Superintendência de Polícia Civil da Capital (SPCC) e da Delegacia de Defraudações, cumpriu na última quinta-feira (23), um mandado de prisão preventiva de busca e apreensão em desfavor de suspeito de vários crimes de estelionato e furto mediante fraude em São Luís.

A prisão foi realizada em um condomínio de alto padrão, na região da Lagoa da Jansen.

As investigações apontaram que o suspeito utilizava um aplicativo de relacionamento chamado Tinder, para conhecer as vítimas, e, se passando por médico, mantinha relacionamentos íntimos elas. Após ganhar a confiança das vítimas, fotografava seus cartões bancários ou conseguia acesso aos aplicativos bancários.

Segundo a Polícia Civil, há aproximadamente 20 boletins de ocorrência de variadas vítimas que informaram terem sofrido o mesmo golpe ou fraudes semelhantes somente no Maranhão.

No Estado do Piauí também há vários boletins de ocorrência. A Delegacia de Defraudações investiga dois casos, em um deles o prejuízo estimado da vítima é de aproximadamente R$100 mil.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter e Instagram e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.