Prejuízos

Moradores de condomínio no Angelim reclamam de transtornos após obra

"Somos contra a falta de planejamento e comunicação conosco", afirma moradora.

Imirante.com

- Atualizada em 27/03/2022 às 11h09

SÃO LUÍS – Moradores de um prédio do bairro Angelim, na capital, estão sentindo alguns impactos em razão da obra de alargamento da avenida Jerônimo de Albuquerque.

Desde a tarde de ontem (22), moradores estão sem energia elétrica. / Foto: Enviada via WhatsApp.
Desde a tarde de ontem (22), moradores estão sem energia elétrica. / Foto: Enviada via WhatsApp.

A madrugada desta quinta-feira (23) foi totalmente às escuras. Isso porque um disjuntor queimou, segundo moradora que não quis se identificar. Ela alega que o maquinário causou o problema no bloco do condomínio em que ela mora.

A queda no fornecimento de energia aconteceu por volta das 15h de ontem. Uma equipe da Equatorial Maranhão esteve no local e como o problema não foi solucionado, a promessa é que, ao longo desta quinta, a energia no bloco afetado seja restabelecida.

Outros danos que atingem os moradores são: a retirada de uma parada de ônibus em frente ao condomínio, falta de sinalização e falta de comunicação com os moradores sobre o projeto.

“Não somos contra a obra, pois vai beneficiar a população, somos contra a falta de planejamento e comunicação conosco”, afirmou a moradora.

Leia a nota da Equatorial:

Sobre a informação de falta de energia no Condomínio Ipem, no bairro Angelim, a Equatorial Maranhão informa que a interrupção ocorreu por conta da queima do disjuntor, cuja troca é de responsabilidade do Condomínio. O restabelecimento da energia só pode ser efetuado após a troca desse equipamento.

Uma equipe da Equatorial já está no local para religar a energia no Condomínio.

A reportagem ainda aguarda resposta do governo do Maranhão.

Serviço de alargamento é feito na Av. Jerônimo de Albuquerque, no Angelim. Foto: Divulgação.
Serviço de alargamento é feito na Av. Jerônimo de Albuquerque, no Angelim. Foto: Divulgação.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter e Instagram e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.