Quadro crítico

Pacientes sofrem no corredor do Socorrão I, e vigilantes estão em greve

Os vigilantes não recebem salários há dois meses; situação caótica do hospital foi registrada nesta quinta.

Imirante.com, com informações da TV Mirante

- Atualizada em 27/03/2022 às 11h15
Paciente deitado no chão por falta de maca no Socorrão I. Foto: Douglas Pinto/TV Mirante.
Paciente deitado no chão por falta de maca no Socorrão I. Foto: Douglas Pinto/TV Mirante.

SÃO LUÍS – A situação do Hospital Municipal Djalma Marques (Socorrão I), no Centro da capital maranhense, é de total descaso.

Na manhã desta quinta-feira (13), a reportagem da TV Mirante registrou a superlotação e falta de atendimento adequado na unidade que atende pacientes de São Luís e outros municípios do Estado.

Por falta de leito, um homem encontra-se deitado no chão do corredor do Socorrão I, além dos diversos pacientes que se acumulam em macas por todo o hospital. Outro problema é que, devido ao atraso nos salários, os vigilantes da unidade estão em greve.

Pacientes são atendidos no corredor do Socorrão I. Foto: Douglas Pinto/TV Mirante
Pacientes são atendidos no corredor do Socorrão I. Foto: Douglas Pinto/TV Mirante

Em entrevista à Rádio Mirante AM, hoje, o vice-presidente do Sindicato dos Vigilantes, Daniel Pavão, confirmou que a categoria está há dois meses sem remuneração.

Diante deste quadro caótico, os maqueiros estão cuidando da vigilância do Socorrão I. O Imirante.com entrou em contato com a Prefeitura de São Luís e aguarda resposta sobre os problemas.

Situação do Socorrão I é alarmante. Foto: Douglas Pinto/TV Mirante.
Situação do Socorrão I é alarmante. Foto: Douglas Pinto/TV Mirante.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.