Escoceses desenvolvem "mouse" para cegos

Agência Brasil

- Atualizada em 27/03/2022 às 15h31

Pesquisadores da Universidade de Glasgow desenvolveram um "mouse" vibrador combinado com um gráfico que emite sons para beneficiar os deficientes visuais.

Eles apresentaram o resultado final de sua pesquisa no festival anual da Associação Britânica para o Avanço da Ciência, esta semana. O "mouse" foi equipado com um sistema Braille eletrônico e com gráficos sonoros que reforçam sua vibração tátil. Cada tom representa uma linha nos gráficos e os tons variam de intensidade quando o cursor sobe ou desce. Segundo os pesquisadores é possível obter informações complexas usando os sons.

Ao entrar em um determinado campo de som, por exemplo, o usuário poderia usar varios tons para representar diversas linhas do mesmo gráfico. A técnica, de acordo com os inventores do "mouse" vibrador, pode beneficiar também a pessoas que enxergam.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.