No Maranhão

Ambulatórios do Maranhão registram mais de 1,3 mil atendimentos de síndromes gripais

Os ambulatórios têm o objetivo de facilitar a assistência à população com sintomas leves.

Imirante.com, com informações do governo do Estado

- Atualizada em 28/04/2022 às 11h00
No ambulatório do IEMA Rio Anil (antigo Cintra), foram realizadas 159 consultas e realizados 260 testes.
No ambulatório do IEMA Rio Anil (antigo Cintra), foram realizadas 159 consultas e realizados 260 testes. (Foto: Laecio Fontele / Governo do Estado)

MARANHÃO - No primeiro dia de funcionamento dos quatro ambulatórios de Síndromes Gripais Leves, disponibilizados pelo Governo do Estado para atendimento da população na Grande Ilha, foram registradas 591 consultas e realizados 767 testes para detecção da Covid-19, dos quais 78,75% foram negativos. Os ambulatórios, que iniciaram atendimento na segunda-feira (10) e encerram nesta sexta-feira (14), têm o objetivo de facilitar a assistência à população com sintomas leves e descentralizar os atendimentos das Unidades de Pronto Atendimento (UPAs).

O servidor público Cláudio da Costa Coutinho foi ao IEMA Rio Anil em busca de atendimento. Ele teve contato próximo com uma pessoa que testou positivo para Covid-19. “Considero importantíssima essa iniciativa do Governo e oferecer meios para a população fazer testagem em massa. É preciso deixar esse negacionismo de lado. A vacina contribuiu bastante para a redução dos casos de Covid-19. E a gripe tá aí. Por isso temos que nos vacinar”, disse o servidor público.

Leia também:

Secretário de Saúde anuncia medidas de assistência para pacientes com síndromes gripais no Maranhão

Testagem de Covid-19 volta a ser realizada nos terminais de integração de São Luís a partir desta quarta-feira

Com gripe e Covid em alta, veja seis dicas para se proteger

No ambulatório do IEMA Rio Anil (antigo Cintra), foram realizadas 159 consultas e realizados 260 testes. No Centro Educa Mais Padre José Bráulio Sousa Ayres, na Cidade Olímpica, foram 181 consultas e 201 testes. Já no Centro Educa Mais Domingos Vieira Filho, em Paço do Lumiar, foram contabilizadas 171 consultas médicas, com a realização de 196 testes; e no Hospital Aquiles Lisboa, localizado na região do Bonfim, foram 80 consultas e 110 testes realizados.

“Os ambulatórios vão funcionar até sexta-feira (14). O atendimento vai continuar com triagem, consultas, testagem para Covid-19 e, se houver necessidade, medicação. Essa ação faz parte de um conjunto de ações dentro da rede pública na capital e no interior do estado para tratar pacientes com sintomas leves de síndromes gripais”, explicou o presidente da Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (EMSERH).

A técnica de enfermagem Maria da Conceição Nascimento também procurou um dos ambulatórios de síndromes gripais. “Meu resultado aqui para Covid foi negativo, mas vim consultar pra saber o que eu tenho. Desde domingo passado estou com febre e dores. Foi muito bom, porque é perto da minha casa, já que eu moro no Cruzeiro do Anil”, elogiou a técnica de enfermagem.

O atendimento está sendo realizado por médicos, enfermeiras e técnicas de enfermagem da EMSERH. Os documentos necessários para atendimento são documento oficial com foto e Cartão SUS.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.