Crime contra a mulher

Preso suspeito de ter matado ex-namorada e enterrado em cova rasa

Gabriel Weverton Fontes da Silva teria matado a namorada com a ajuda de outros suspeitos.

Imirante.com

- Atualizada em 27/03/2022 às 11h18
(Foto: Reprodução)

IMPERATRIZ - A polícia prendeu, na noite dessa quarta-feira (6), um jovem, identificado como Gabriel Weverton Fontes da Silva, 19 anos. Ele é suspeito de ter assassinado a ex-namorada de nome Erika, que estava desaparecida desde domingo (3).

Leia também: Policial mata namorada e depois tira a própria vida, na Cohab

O homem teria matado a jovem e enterrado numa cova rasa, às margens do rio Cacau, nas proximidades do setor dos potes. A polícia chegou até Gabriel, após vídeos e fotos da execução da adolescente terem circulado nas redes sociais.

Numa das fotos aparece apenas a mão do suspeito, segurando um punhal e mostrando três dedos para o corpo da vítima. Nesta foto tem uma tatuagem igual a que tem na mão de Gabriel. A polícia suspeita que outras pessoas tenham participado da execução.

Ainda segundo as informações, Gabriel e Erika se relacionaram há apenas um mês. O motivo do crime ainda é um mistério para a polícia. Nesta quinta-feira (7), a os policiais vão até ao local para tentar localizar o corpo da vítima.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.