Seminário

Simpósio de enfermagem discute sobre reforma psiquiátrica, em Imperatriz

Evento vai ocorrer nesta quinta (19) e sexta-feira (20), no auditório da Semus.

Imirante Imperatriz, com informações da assessoria

- Atualizada em 27/03/2022 às 11h32

IMPERATRIZ – Nesta quarta-feira (18), data em que é celebrada a implantação da reforma psiquiátrica, feita há 15 anos, alunos do curso de uma faculdade particular, promovem o 1º Simpósio de Enfermagem em Saúde Mental, com o tema: Enfrentamentos e desafios da saúde.

O seminário vai ocorrer nesta quinta (19) e sexta-feira (20), respectivamente, no auditório da Secretaria Municipal de Saúde (Semus). Para participar, as pessoas interessadas, devem realizar uma inscrição.

Durante a programação do evento, serão discutidos temas como depressão, ansiedade, síndrome do pânico, transtornos alimentares. O objetivo é esclarecer a diferente entre Saúde Mental e Doenças mentais, barreira que impede o amplo diálogo, provocando o preconceito.

Segundo a Organização Mundial e Saúde (OMS), cerca de 23 milhões de brasileiros sofrem de transtornos mentais e 85% deles não tem acesso ao tratamento adequado. Este ano, a reforma psiquiátrica completa 15 anos.

Desde a sua implementação, as novas regras apresentaram uma perspectiva de tratamento diferente, baseada na valorização do ser humano e no entendimento de que o transtorno mental pode não ser apenas uma doença, mas também um problema social.

Para Thassia Rocha, coordenadora do evento, debater e conscientizar é preciso. "Hoje em dia, as pessoas acreditam que buscar ajuda psicológica ou psiquiátrica, é um problema. Quando na verdade deveria ser o contrário. Nascer em uma família estruturada é um privilégio! Boa parte dos problemas sociais nascem no seio das famílias, que sufocam os seus problemas, para se encaixar nos padrões amplamente disseminados", explica.

Mais informações sobre o seminário podem ser obtidas pelos números: (99) 98412-1301, 99170-612 ou 98197-6105.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter e Instagram e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.