Política

Vereador reclama de demora em tramitação de projetos na Câmara

Marco Aurélio disse que protocolou projetos há nove meses e nenhum chegou a votação ainda.

Diana Cardoso/Imirante Imperatriz

- Atualizada em 27/03/2022 às 12h01

IMPERATRIZ- O vereador Marco Aurélio Azevedo (PCdoB) fez uso da tribuna da Câmara durante a sessão ordinária desta terça-feira (22) para se queixar da própria "Casa". Ele reclamou que seus projetos de lei deram entrada há nove meses e até agora não foram a votação e nem há previsão para isso.

"Os projetos de lei de outros colegas são aprovados e do Executivo, também, são votados em dia e os de minha autoria não têm nem chegado ao plenário,” reclama o parlamentar que diz ter dado entrada em recentemente em três idicações, que não chegaram ao plenário.

De acordo com o vereador o primeiro projeto foi protocolado no dia 21 de fevereiro do ano passado, projeto de lei que incentiva o reforça e o apoio a bibliotecas e escritores locais, um projeto em parceria com a Academia Imperatrizense de Letras(AIL).

O segundo projeto é sobre a Escola do Legislativo, instrumento que poderá ajudar na preparação dos vereadores. O terceiro, trata da arborização do município, que a cada um carro vendido uma árvore seria plantada na cidade.

“Todos são projetos de demandas sociais, tem um que fez nove meses de protocolado ontem e o outro seis meses no dia 15 de outubro”, lembra.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram, TikTok e canal no Whatsapp. Curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.