Estudantes da UFMA ameaçam fazer greve por falta de infra-estrutura

Melhoria na qualidade do ensino e na infra-estrutura do Campus são algumas das reivindicações.

Karla Freire - Imirante.com

- Atualizada em 27/03/2022 às 15h23

SÃO LUÍS - Os estudantes da Universidade Federal do Maranhão fizeram protesto nesta quinta-feira no Campus de Imperatriz para pedir melhoria na infra-estrutura e na qualidade do ensino, autonomia do Campus e ampliação dos cursos oferecidos. Os acadêmicos ameaçam fazer greve por causa da falta de condições para ter aulas.

Após a manifestação, os alunos reuniram-se, na noite desta quinta-feira, com o reitor em exercício, José da Costa, para apresentar a pauta de reivindicações. O reitor disse que alguns pontos poderão ser atendidos.

- Quanto ao aumento no número de professores, nós dependemos do MEC (Ministério da Educação). Os estudantes compreenderam bem que não está ao nosso alcance. Mas quanto à infra-estrutura, por exemplo, veremos como redistribuir o orçamento para atender às reivindicações - garantiu José da Costa.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.