Afogamento

Pescador morre após sofrer mal súbito em canoa e cair em rio, na zona rural de Codó

Francisco Costa de Jesus e um amigo pescavam no rio Saco, no povoado Imperial, na tarde dessa terça-feira (8).

Imirante.com, com informações do CBMMA

- Atualizada em 26/03/2022 às 18h09
Corpo foi retirado do rio Codozinho por equipe dos bombeiros. Foto: Divulgação/CBMMA.
Corpo foi retirado do rio Codozinho por equipe dos bombeiros. Foto: Divulgação/CBMMA.

CODÓ – Um pescador, de 50 anos, morreu após sofrer um mal súbito e cair no rio Codozinho, na tarde dessa terça-feira (8), no povoado Imperial, no município de Codó.

Segundo relato de uma testemunha ao Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão (CBMMA), o pescador, identificado como Francisco Costa de Jesus, parecia sentir dores no coração, antes de cair da canoa e se afogar. Eles pescavam quando o Francisco sofreu o AVC.

A 15ª Companhia Independente de Bombeiros Militar de Codó foi acionada e informou que a vítima teve um mal súbito, com sinais de derrame, em cima de sua canoa.

O corpo do pescador foi localizado pela equipe de bombeiros por volta das 17h15, em uma profundidade de 2,5 metros, no rio Codozinho. O cadáver foi retirado das águas pelos bombeiros e foi realizado o translado até o Hospital de Codó (HGM) para o procedimento de perícia.

Equipe do 15ª CIBM foi acionada para atender ocorrência. Foto: Divulgação/CBMMA.
Equipe do 15ª CIBM foi acionada para atender ocorrência. Foto: Divulgação/CBMMA.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.