Colisão

Ponte Rio-Niterói é fechada por mais de três horas após batida de navio

A Marinha está investigando o acidente com o navio, que estava ancorado na Baía de Guanabara desde 2016.

Imirante.com

- Atualizada em 15/11/2022 às 00h04
Navio bateu na Ponte Rio-Niterói nesta segunda-feira (14).
Navio bateu na Ponte Rio-Niterói nesta segunda-feira (14). (Reprodução)

RIO DE JANEIRO - A Polícia Rodoviária Federal (PRF) informou que a Ponte Rio-Niterói foi reaberta parcialmente após mais de três horas de interdição total na noite desta segunda-feira (14), por causa da colisão de um navio à deriva.

O graneleiro São Luiz foi levado pelo vento e chocou-se contra a estrutura da ponte, perto de Niterói, no início da noite desta segunda-feira. A Marinha está investigando o acidente com o navio, que estava ancorado na Baía de Guanabara desde 2016.

Após a colisão do navio com a ponte, engenheiros avaliaram a integridade da estrutura para a liberação parcial do trânsito. O prefeito Eduardo Paes utilizou as redes sociais para informar que não há indícios de danos mais graves.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.