Enem 2022

Ensino superior pode aumentar faixa salarial em 49%

Dados revelam que o diploma é uma vantagem competitiva no mercado de trabalho.

Imirante.com, com informações da assessoria

A remuneração média dos respondentes que declaram ter ensino superior é  49% maior do que aqueles que não completaram a faculdade.
A remuneração média dos respondentes que declaram ter ensino superior é  49% maior do que aqueles que não completaram a faculdade. (Foto: Divulgação)

BRASIL - Anualmente é realizado no Brasil uma das principais provas para estudantes que almejam chegar ao ensino superior,  trata-se do ENEM (Exame Nacional do Ensino Médio) que reúne mais de 3 milhões de estudantes com o intuito de ingressar em faculdades de todo o país.

A graduação ainda é um diferencial importante na remuneração do profissional, é o que mostra a Pesquisa de Profissionais Brasileiros e a Pesquisa Salarial, ambas realizadas pela Catho. Segundo dados dos levantamentos, a remuneração média dos respondentes que declaram ter ensino superior é  49% maior do que aqueles que não completaram a faculdade. 

A pesquisa  ainda mostrou que a graduação também pode aumentar as oportunidades de conseguir um emprego. Entre os entrevistados desempregados, 54% não possuem graduação. É possível perceber que um diploma de ensino superior é capaz de trazer grandes vantagens e oportunidades para quem finaliza o curso.

O levantamento também apontou que 69% dos profissionais declaram não estar matriculados em nenhum curso neste momento. Além do curso superior, especializações e cursos de idiomas também são atividades complementares importantes para garantir um currículo completo e mais competitivo. 

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.