Enem

Quem solicitou atendimento especializado no Enem pode conferir resultado a partir de hoje (7)

A prova será aplicada pelo Inep nos dias 13 e 20 de novembro.

Brasil 61

O Enem 2022 já conta com 3.396.597 inscrições confirmadas.
O Enem 2022 já conta com 3.396.597 inscrições confirmadas. ( Foto: Tomaz Silva / Agência Brasil)

BRASÍLIA - Os participantes que solicitaram atendimento especializado no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) poderão conferir o resultado do pedido a partir desta terça-feira (7). A data será a mesma para o início do período de recursos para quem tiver as solicitações indeferidas. Já os pedidos para tratamento por nome social podem ser feitos entre 23 e 28 de junho. 

O Enem 2022 já conta com 3.396.597 inscrições confirmadas, até o momento. O total corresponde a um salto de 11,6% na comparação com a edição de 2021. No ano passado, o total de inscrições chegou a 3.040.908. 

Os dados são considerados preliminares até a apuração definitiva. As inscrições terminaram em 21 de maio, mas parte não foi confirmada devido ao processamento dos pagamentos pelas instituições bancárias, processos judiciais, comissão de demandas, além de outras situações excepcionais. 

A verificação da situação da inscrição pode ser feita na Página do Participante. Para isso, é necessário ter o login único dos portais gov.br. Os inscritos também podem acompanhar o andamento das solicitações no mesmo ambiente virtual.  

A prova será aplicada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) nos dias 13 e 20 de novembro. Dos inscritos, 3.331.531 farão a versão em papel e 65.066, em computador.

O estudante Vanutti Galvão, de 24 anos, é um dos participantes que fará a prova no formato impresso. O morador de Independência, no Ceará, já fez a prova anteriormente e conseguiu uma vaga para o curso de engenharia civil, o qual deve concluir ainda este ano. 

Mesmo com tantos méritos, Vanutti não cessa os esforços até conseguir realizar seu maior sonho: passar no Enem com pontuação suficiente para cursar medicina. Em outras edições, ele já havia conseguido pontuação para cursos na área da saúde e agora espera alcançar a meta.

“Continuo tentando medicina porque, para mim, é um grande sonho e acredito que tenho vocação para a área. Deus deve ter um propósito na minha vida, pois, se fosse pra eu já ter desistido, Ele já teria colocado no meu coração para eu não tentar mais o Enem. Mas, não é isso que acontece. O sentimento em relação ao curso de medicina é presente, é real. E, apesar de eu estar me formando em engenharia civil, curso que eu aprendi a amar, não consigo abrir mão do curso de medicina”, afirma. 

Dos participantes que farão a prova este ano, 2.028.353, ou seja, 59,72%, são isentos da taxa de inscrição. Já 1.368.244, ou 40,28%, são pagantes. 

Enem

O Exame Nacional do Ensino Médio tem como objetivo avaliar o desempenho escolar dos estudantes ao término da educação básica. A prova também se tornou uma das principais portas de entrada para a educação superior no Brasil, por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e de iniciativas como o Programa Universidade para Todos (ProUni), ambas ações do Ministério da Educação (MEC).

O Enem também é utilizado por instituições de ensino públicas e privadas para fazer seleção de estudantes. Os resultados são usados como critério único ou complementar dos processos seletivos, além de servirem de parâmetros para acesso a auxílios governamentais, como o proporcionado pelo Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

 

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.