Crueldade

Homem é detido após atirar em cachorro no município de Açailândia

O suspeito foi autuado por porte ilegal de munição, após a polícia encontrar várias armas e munições na casa dele.

Tatyna Viana / Imirante.com

Raio-x mostra vários pedaços de chumbo alojados na cabeça do animal.
Raio-x mostra vários pedaços de chumbo alojados na cabeça do animal. (Divulgação)

AÇAILÂNDIA - Um homem foi preso na noite dessa quarta-feira (17), em Açailândia, após atirar em cachorro que foi resgatado e levado para uma clínica veterinária em estado grave. Vídeos e fotos do animal agonizando circulam nas redes sociais.

O suspeito de atirar no animal é um vizinho da família, que foi preso em flagrante momentos após o crime, autuado por posse irregular de munição. Ele tem licença de colecionador e na casa dele foram encontradas uma pistola, uma espingarda, um rifle e munições de vários calibres, algumas incompatíveis ao porte de arma que possui. Um raio-x do animal mostra vários pedaços de chumbo alojados na cabeça, o que torna a recuperação muito difícil.

Em depoimento à Polícia Civil, o homem disse que o animal invadiu sua casa e atirou porque se sentiu ameaçado com o cachorro em sua direção e próximo à sua filha de 2 anos, e que o cão matou uma de suas galinhas.

A tutora do animal responderá pela contravenção penal de omissão de cautela de animal, porque o animal perigoso estaria entregue aos cuidados de uma criança. A polícia diz ainda que as investigações seguirão ouvindo testemunhas para apurar os fatos até a conclusão do inquérito policial.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.