SMD

Espetáculo 'Da Cor de Cobre' abre programação da 16ª Semana Maranhense de Dança

Os ingressos são gratuitos e podem ser retirados na bilheteria do teatro duas horas antes do início da apresentação.

Na Mira, com informações da assessoria

‘Da Cor de Cobre’ é uma releitura poética do tradicional auto de Bumba Meu Boi. (Foto: Sergio Fernandes)
‘Da Cor de Cobre’ é uma releitura poética do tradicional auto de Bumba Meu Boi. (Foto: Sergio Fernandes)

SÃO LUÍS - Será aberta, nesta segunda-feira (21), a programação da 16ª Semana Maranhense de Dança (SMD), com a apresentação do espetáculo ‘Da Cor de Cobre’, da Clarin Cia de Dança, às 19h30, no Teatro Arthur Azevedo (TAA), no Centro de São Luís. Os ingressos são gratuitos e podem ser retirados na bilheteria do teatro duas horas antes do início da apresentação.

O espetáculo

‘Da Cor de Cobre’ é uma releitura poética do tradicional auto de Bumba Meu Boi, que descortina as estórias encantadas em torno dos personagens existentes nesse folguedo, trazendo uma releitura que mistura o real e a ficção, para homenagear todos os grupos existentes que lutam pela resistência e sobrevivência do folclore brasileiro. 

A apresentação contará com a participação de brincantes dos grupos Bumba Meu Boi de Santa Fé, Boi da Floresta, Boi de Leonardo, Boi da Lua, Boi de Morros, Boi de Axixá, Bumba Meu Boi de Maracanã e Boi Brilho da terra. 

A apresentação contará com a participação de brincantes de grupos de Bumba Meu Boi. (Foto: Sergio Fernandes)
A apresentação contará com a participação de brincantes de grupos de Bumba Meu Boi. (Foto: Sergio Fernandes)

A Clarin Cia de Dança é uma companhia que vem desenvolvendo sua pesquisa em torno da dança popular contemporânea desde a sua fundação, no ano de 2013, sob direção e criação do artista maranhense Kelson Barros, residente em São Paulo desde o ano de 2003. Seus trabalhos buscam agregar artistas de diferentes linguagens como capoeira, breaking, ballet, funk, entre outras danças brasileiras, sempre com foco na experimentação em dança e na cultura popular. 

A Clarin Cia de Dança é uma companhia que vem desenvolvendo sua pesquisa em torno da dança popular contemporânea desde a sua fundação. (Foto: Sergio Fernandes)
A Clarin Cia de Dança é uma companhia que vem desenvolvendo sua pesquisa em torno da dança popular contemporânea desde a sua fundação. (Foto: Sergio Fernandes)

Ingressos

Para assistir ao espetáculo, o público pode retirar os ingressos na bilheteria do Teatro Arthur Azevedo, duas horas antes do início da apresentação. Além do espetáculo, a 16ª Semana Maranhense de Dança terá em seu primeiro dia de programação oficinas e outras atrações totalmente gratuitas que o público pode conferir no Instagram do evento @semanadedanca2022.

16ª Semana Maranhense de Dança

A Semana Maranhense de Dança acontece de 21 a 30 de novembro e traz para esta edição o tema ‘Brasilidades Maranhenses’, propiciando um espaço onde pretende-se ressaltar as intersecções presentes nas nossas brincadeiras, folguedos e danças populares com as discussões e práticas das danças, bem como de suas pluralidades de movimentos na contemporaneidade.

A programação do evento é totalmente gratuita e preza pelo compromisso com a formação e a pesquisa da linguagem, de modo que possa contribuir para expansão dos fazeres artísticos que emergem no contexto atual e fortalecer a cadeia produtiva da cultura maranhense. Além espetáculos maranhenses e nacionais, contará com oficinas formativas, painéis de pesquisa, mostras coreográficas e competitivas, e a famosa Batalha de Danças Urbanas Negro Cosme.

A Semana Maranhense de Dança vem há 16 anos valorizando o legado e a relevância dos trabalhos dos artistas, bailarinos, companhias, grupos e escolas de dança, além de contribuir para a formação de novas gerações de espectadores que apreciam e compreendem a importância dessa linguagem para a cultura do Maranhão.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.