Pergentino Holanda

PH Revista: Mulheres em destaque na Capa

Mais: Elvis Presley vive!

PH

- Atualizada em 16/07/2022 às 10h40
Capa do PH Revista
Capa do PH Revista

Eney Tavares Neiva de Santana, no centro (99 anos); Helena Machado Moraes Correia, à esquerda (100 anos) e Adélia Sabóia de Azevedo (102)

 ---------------------------------------------------------

Elas são amigas de uma vida inteira, possuem em comum uma longa história de vida que atravessou oito décadas do século 20 e já ultrapassou duas décadas do século 21 e neste fim de semana são o destaque de Capa do PH Revista, o caderno sócio-cultural mais antigo da imprensa brasileira.

Juntas, as três senhoras centenárias somam mais de 300 anos de vida social nos salões elegantes de São Luís: Eney Tavares Neiva de Santana, no centro, nasceu em 25 de março de 1923, em Caxias-MA, e em 2022 completou 99 anos; Helena Machado Moraes Correia, à esquerda, nasceu em 13 de junho de 1922, em Parnaíba-PI, e no mês passado completou 100 anos; e Adélia Sabóia de Azevedo, à direita, nasceu em Sobral-CE, no dia 19 de julho de 1920, e completa 102 anos na próxima terça-feira.

Todas três se destacaram na vida social maranhense dos últimos cem anos – foram elegantes do ano em várias listas das Dez Mais publicadas por esta coluna, que já percorreu uma longa estrada, em quase seis décadas – e agora, já fazendo a travessia da segunda década deste novo milênio, claro que sem o mesmo vigor do século passado, ainda estão lúcidas, apesar das limitações auditivas e visuais.

Hoje, Dona Eney vive os seus tempos de velhice aos cuidados do filho Jaime Santana e da nora Alberlila, na residência deles, no Olho d´Água; Dona Helena mora com uma cuidadora em seu apartamento no Renascença e divide o seu tempo nos apartamentos vizinhos de suas filhas Thaís (a caçula) ou Marisa (a mais velha); e Dona Adelinha, mora no Rio de Janeiro com a filha Cecília Maria, que em junho último completou 82 anos.

Experiência de vinho e tinta

Com a rotina cada vez mais corrida, é ainda mais necessário que cada pessoa tire um tempo para cuidar de si mesma e relaxar, colocando tudo no lugar.

Para incentivar as pessoas a reservar esse tempo, se desconectar do mundo e se conectar consigo mesma, está fazendo o maior sucesso uma experiência única de pintura, guiada por artistas e auxiliada pelo vinho, que está sendo lançada no Brasil.

O projeto nasceu nos Estados Unidos quando um executivo de multinacional observou que sua mãe, após pintar e beber uma taça de vinho, conseguia dar risadas e assim superou sua depressão. Então ele decidiu largar tudo e investir nessa experiência.

No Brasil, a Vinho e Tinta começou na cidade de Curitiba, e agora chegou a São Paulo. Daqui de São Luís a Dra Bárbara Aires participou do evento que contou com vários influenciadores e artistas.

Nessas experiências, mesmo quem não sabe pintar pode aproveitar um momento mindfulness através da arte, exercitando sua criatividade ao fugir da rotina.

Elvis Presley vive!

– Ninguém vai se lembrar de mim. Nunca fiz nada duradouro, nunca fiz um filme clássico.

Quem diz isso é Elvis Presley, o personagem interpretado por Austin Butler no filme do diretor Baz Luhrmann que fez sua estreia nos cinemas neste fim de semana.

O verdadeiro, nascido em 1935 e morto em 1977, ganhou a alcunha de Rei do Rock and Roll, emplacou 18 canções no número 1 da Billboard e é o terceiro artista que mais vendeu discos, atrás apenas dos Beatles e de Michael Jackson. Seu especial de TV Aloha From Hawaii (1973) suplantou a audiência da chegada do homem à Lua (1969). Foi e continua sendo reverenciado e imitado. E se é verdade que nenhum de seus 31 filmes como ator virou um clássico ou mesmo um sucesso de público, aposta-se em indicações ao Oscar de 2023 para Elvis, que já arrecadou US$ 157,2 milhões.

Elvis Presley vive!...2

Como qualquer cinebiografia, Elvis faz um recorte na vida do protagonista. Existem lacunas, quem sabe erros e exageros. Pode haver reclamações quanto à pequena participação da esposa de Elvis, Priscilla Presley (encarnada por Olivia DeJonge) – tampouco é mencionado que o namoro começou quando ela tinha 14 anos, e ele, 24! E certamente há quem vá sentir falta de profundidade na abordagem sobre a apropriação cultural de uma música inventada por negros, o rock, por artistas brancos.

Se o filme mostra a admiração de Elvis por nomes como Big Mama Thornton, Little Richard, B.B. King e Fats Domino, não fala quase nada sobre como os afro-americanos se sentiam a respeito de Elvis.

Elvis Presley vive!...3

O Elvis de Luhrmann é um frenesi, um filme para ser visto em pé. Sua forma – uma explosão de cores e de sons, uma celebração da voz e do corpo de Elvis Aron Presley – e seu ritmo (por vezes deliciosamente caótico) refletem o espírito irrequieto do personagem, sua energia, sua extravagância, seu requebro sedutor e suas várias transformações.

Curiosamente, é justo no fim da carreira, já em Las Vegas, que a caracterização de Butler se torna mais impressionante. A ponto de espectadores não perceberem a transição do Elvis personagem para o Elvis verdadeiro em uma das derradeiras apresentações do cantor: Unchained Melody, última canção no show do dia 21 de junho de 1977 em Rapid City.

Só não chora quem já morreu. Elvis vive.

Orador oficial na ABL

Um dos pontos altos da série de eventos em comemoração aos 125 anos de história da Academia Brasileira de Letras será o aguardado discurso do acadêmico e decano da Casa, o escritor e ex-Presidente da República José Sarney

Na noite de 20 de julho, dia em que é celebrado o aniversário da Casa de Machado de Assis, o Cristo Redentor será iluminado de verde-escuro, cor oficial da ABL, em homenagem à data.

Também à noite, será realizada uma Sessão Solene no Salão Nobre da ABL, quando será entregue o Prêmio Machado de Assis ao antropólogo Roberto da Matta, pelo conjunto da obra, e distribuídas, ainda, as medalhas Machado de Assis e João Ribeiro.

Em seguida falará o orador oficial do evento, José Sarney.

Na sequência haverá uma apresentação musical a cargo do consagrado Quinteto de Cordas da Orquestra Sinfônica Brasileira.

DE RELANCE

Posse de Danilo de Castro

Em sessão solene do Colégio de Procuradores de Justiça, realizada ontem, Danilo José de Castro Ferreira foi empossado no cargo de procurador de justiça do Ministério Público do Maranhão.

Membros e servidores da instituição, além de familiares e convidados do empossado, participaram da solenidade, que ocorreu de forma presencial e virtual, por meio do canal da instituição no Youtube.

O mais novo integrante do colegiado foi promovido pelo Conselho Superior do MPMA, na sessão do dia 4 de julho, pelo critério de merecimento, para ocupar a vaga aberta com a aposentadoria da procuradora de justiça Maria dos Remédios Figueiredo Serra.

Até então ele atuava como titular da 5ª Promotoria de Justiça Especializada de Probidade Administrativa de São Luís.

Posse de Danilo de Castro...2

Logo após a promoção, o procurador-geral de justiça, Eduardo Nicolau, nomeou Danilo de Castro para o cargo de subprocurador-geral de justiça para Assuntos Jurídicos.

Na solenidade, a leitura do termo de posse foi feita pela procuradora de justiça Flávia Tereza de Viveiros Vieira, secretária do Colégio de Procuradores de Justiça.

Na sequência dos atos protocolares, após a assinatura do termo de posse, Eduardo Nicolau entregou a Danilo de Castro a medalha Celso Magalhães, que é a maior comenda do Ministério Público do Maranhão.

Samba de Quintal neste sábado

Fãs dos grupos Feijoada Completa e Argumento têm encontro marcado neste sábado, no Quintal Lagoa, em mais uma realização do Samba de Quintal.

Dois dos maiores grupos de samba da capital maranhense farão uma super apresentação no único gastrobar com essência de boteco localizado na Lagoa da Jansen.

Vai ter muita gente bonita e animada no local para curtir o melhor da música brasileira, petiscos de boteco, cerveja gelada em um espaço totalmente democrático e aconchegante.

O Quintal Lagoa abre as portas a partir das 18h. Na próxima semana, os sócios Cristiano Barroso Fernandes, Evandro Santos e Álvaro Carneiro apresentarão mais uma novidade da casa para os clientes e que promete ser sucesso de público.

Barrica faz festa no interior

A Companhia Barrica visita, neste fim de semana, os municípios de Pindaré-Mirim e Itapecuru-Mirim para presentear as comunidades com uma programação bastante animada, incluindo a exibição da exposição “Ponto de Luz”, recreação artística e apresentação do espetáculo “Maranhão de Festejos”.

A primeira parada da ação itinerante será neste sábado, em Pindaré-Mirim, com toda a programação movimentando o Engenho Central, espaço histórico remanescente do período colonial, quando a cana de açúcar era uma das principais riquezas do Brasil, sendo, portanto, um símbolo do processo econômico agroindustrial do estado.

No domingo, bailarinos, músicos e cantores seguirão para Itapecuru-Mirim, atraindo os moradores da cidade para o Itapecuru Social Clube, onde são realizados todos os eventos importantes da cidade, incluindo reuniões e convenções.

Barrica faz festa no interior...2

Além da exposição e do espetáculo “Maranhão de Festejos” (com quadros tradicionais representativos do bumba meu boi, do tambor de crioula, das danças juninas do Boizinho Barrica e das folias carnavalescas do Bicho Terra), as comunidades dos dois municípios poderão participar das oficinas recreativas, com ênfase nas danças típicas do bumba meu boi, da quadrilha, do tambor de crioula e, também, nas folias carnavalescas.

A entrada para toda a programação nas duas cidades será gratuita.

Uso de satélites para o agronegócio

Como o uso de satélites pode ajudar a impulsionar e agregar valor ao agronegócio maranhense foi tema da reunião organizada pela Federação das Indústrias do Estado do Maranhão (Fiema) e pela Agência Espacial Brasileira (AEB), na última quarta-feira, 13, na Casa da Indústria Albano Franco.

O encontro, que reuniu empresários e instituições governamentais e não-governamentais, foi aberto pelo presidente da Fiema, Edilson Baldez das Neves, que recebeu o diretor de Gestão de Portfólio da AEB, Paulo Barros, para uma explanação sobre as soluções satelitais. 

O objetivo foi identificar sinergias e possibilidades de atuação conjunta para a realização de um evento, em São Luís, com foco nas aplicações tecnológicas de satélites voltadas para o agronegócio.

Paulo Barros explicou aos empresários que hoje é possível fazer, via satélite, a análise de uma plantação para descobrir se há fungos ou identificar, com o uso de sensores na terra, a quantidade de água e fertilizante que realmente uma área necessita.

 

Edilson Baldez das Neves e Paulo Barros
Edilson Baldez das Neves e Paulo Barros

Para driblar alta de preços

Com inflação em dois dígitos há 10 meses, o Brasil voltou aos tempos dos laboratórios de maquiagem de produtos e outras “soluções” para a alta de preços que marcaram as décadas de 1980 e 1990, antes que o Plano Real realinhasse a perda de valor da moeda.

Na tentativa de manter alguns produtos ao alcance das famílias mais atingidas pela perda de renda, fabricantes encolhem volume ou tamanho, no exercício de “reduflação” (expressão que circula nos supermercados) ou oferecem “similares”, como caixinhas de soro de leite, espécie de “fakeflação” (termo impreciso que a coluna pede licença para usar na falta de outro melhor).

Não por acaso, os casos mais recentes de “fakeflação” envolvem derivados de leite, que subiu 10,72% só de junho para julho e acumula alta de 41,7% desde janeiro, conforme dados do IPCA do IBGE, considerado o índice oficial de inflação.

Bandeira do Brasil

A bandeira do Brasil, nosso pavilhão nacional, é um dos mais importantes símbolos, juntamente com o hino, o brasão e o selo nacional, representa a identidade e os valores do nosso país.

Proibir o uso cívico dessa bandeira é ferir os valores de patriotismo que aprendemos desde criança.

Nosso pavilhão deve sim ser ostentado e respeitado, sendo descabida e manifestamente ilegal qualquer ordem de proibição, sob qualquer argumento.

A grandeza de nosso país passa pelo respeito aos seus símbolos máximos.

Para escrever na pedra:

“Com o tempo, você vai percebendo que, para ser feliz, você precisa aprender a gostar de você, a cuidar de você e, principalmente, a gostar de quem também gosta de você”. De Mário Quintana.

TRIVIAL VARIADO

O colecionador Gilberto Chateaubriand morreu na última quinta-feira, aos 97 anos por causas naturais. Ele estava em sua fazenda, no interior do Rio de Janeiro, e deixa um filho único, Carlos Alberto Gouvêa Chateaubriand.

No assunto: nascido em Paris, em 1925, Gilberto era filho do empresário de comunicação Assis Chateaubriand (1892-1968) que, entre as décadas de 1920 e 1940 criou o primeiro grande império da comunicação no país, além de exercer forte influência política em todas as esferas do governo.

Gilberto Chateaubriand começou a sua coleção em 1953, aos 28 anos, com a tela Paisagem de Itapuã, de José Pancetti. Ao longo dos anos, foi montando pequenas coleções dentro de sua própria coleção. Depois de Pancetti, Carlos Scliar foi o segundo artista que o colecionador sempre acompanhou.

Em tempo: como colecionador, Gilberto Chateaubriand montou um acervo exemplar, com cerca de 8 mil obras, no qual estão representados grandes momentos da arte nacional. Ao mesmo tempo, tornou-se uma espécie de embaixador das artes brasileiras.

O Top DJ Sérgio Balata, com muito charme e alegria, faz sua estreia neste sábado, a partir das 17h, no “happy hour” dos fins de semana do novíssimo bar (criado pela designer Cintia Klamt Motta) do restaurante Cabana Praia, na Avenida Litorânea.

Dizem que as redes sociais vão imperar quase absolutas nas disputas políticas, mas embora elas marquem uma presença significativa, ainda não será desta vez. A TV Bandeirantes abre em 7 de agosto a série de debates com os candidatos a governador do Maranhão.

O prazo para a realização das convenções vai de 20 de julho até 5 de agosto, é o período em que os agora pré-candidatos viram candidatos de fato. O jogo começa na Band.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.