Pergentino Holanda

PH Revista: Gala de Maio no próximo sábado

Mais: Flávia Bittencourt vive momento de glória

PH

- Atualizada em 07/05/2022 às 09h07
Capa do PH Revista
Capa do PH Revista

CLIQUE AQUI E LEIA O PH REVISTA NA ÍNTEGRA

O destaque de Capa do PH Revista neste fim de semana é a consagrada designer de interiores Cintia Klamt Motta, a mais aplaudida do Maranhão, que  brilhou nas duas últimas semanas com eventos concorridos em sua Casa Kasar e em seu apartamento na Península

Gala de Maio no próximo sábado

Os ventos de maio anunciam o maior acontecimento social deste outono tropical em São Luís: o Gala de Maio 2022.

Falta apenas uma semana para acontecer, com pompa e circunstância, esse esperado evento, programado para as 20 horas do próximo dia 14, no luxuoso salão do Palazzo Eventos, no Araçagi.

O traje para os convidados, como já foi amplamente divulgado, é Passeio Completo, sendo que para os homens é obrigatório o uso de terno escuro.

Flávia Bittencourt vive momento de glória

Este é um ano que promete para Flávia Bittencourt, uma das melhores cantoras de sua geração. Depois de fazer uma bem-sucedida turnê de apresentações pela Europa, agora de volta, Flávia está lançando o seu mais novo trabalho intitulado Volitar, com produção musical de Fernando DeepLick e Carlinhos Brown, pelo selo Candial Music; e que ontem chegou às plataformas digitais.

“Volitar é uma obra repleta de significado, com referências do nosso São João. É hora de renovar ciclos e esse trabalho é sobre isso também”, adianta Flávia.

Para apresentar o novo álbum Volitar, a cantora prepara um show bem especial. O evento será híbrido, pois além do presencial será também transmitido pelo YouTube da cantora.

Inicialmente programado para o Teatro Arthur Azevedo, devido a problemas técnicos do teatro, o show foi confirmado para o próximo dia 20 de maio (sábado) às 20h no Teatro do SESC Napoleão Ewerton, na Av. dos Holandeses.

Plano quase perfeito

Por trás de toda a fumaça política, há, em verdade, um grande beneficiado com essa história toda de convergência de pré-candidatos a governador pelo nome de Roberto Rocha na reeleição ao Senado.

Trata-se de Weverton Rocha, que estava com a sua pré-candidatura ao governo estadual natimorta.

O próprio Weverton se encarregou de criar o movimento em torno de Roberto Rocha para tirar o devido proveito político.

Como uma fênix

A pré-candidatura ao governo de Weverton Rocha renasceu das cinzas.

De forma matreira, ele criou o movimento político para ungir coletivamente o nome de Roberto Rocha para enfrentar Flávio Dino na disputa pelo Senado.

Weverton criou um fato político, movimentou partidos e pautou a imprensa conforme a sua conveniência.

E todos que embarcaram nessa artimanha caíram como patinhos na artimanha do pedetista, inclusive políticos experientes como César Pires, com mais de 30 anos de rodagem.

Situação óbvia

Até o prefeito de São Luís, Eduardo Braide, que andava meio arredio aos assédios de Weverton Rocha, caiu na armadilha.

De forma açodada, o prefeito enviou o irmão, Fernando Braide, para participar de ato que, subliminarmente, só traz vantagens para o senador pedetista.

Embora vivendo uma crise de imagem atrás da outra, Braide não teve discernimento para tomar uma atitude numa situação tão óbvia.

Edivaldo resistiu

Já o ex-prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior, optou por não cair nessa esparrela montada por Weverton Rocha.

Resistiu bravamente ao assédio do pedetista e à insistência dos aliados mais próximos.

Firme, e demonstrando lealdade ao amigo Flávio Dino, bateu o pé e disse que não participaria desse circo.

Edivaldo não foi ao ato organizado por Weverton e tem mantido distância do assunto.

No Tribunal

Funcionária de carreira da Caixa, Flávia Alexandrina não ficará desempregada depois de deixar o governo estadual, com a chegada de Carlos Brandão ao Palácio dos Leões.

Ela foi convidada pelo desembargador Paulo Velten para assumir a diretoria de Recursos Humanos do Tribunal de Justiça do Maranhão.

Flávia Alexandrina comandou até março a Secretaria de Gestão e Patrimônio do Estado e já havia sido também a titular da poderosa Secretaria de Cidades.

Maior do Brasil

O governador Carlos Brandão deve anunciar, no início da próxima semana, toda a programação referente aos festejos juninos do Maranhão.

Enquanto isso, o secretário estadual de Cultura, vereador Paulo Victor, tem divulgado, por onde anda, o São João maranhense como sendo “o maior do Brasil”.

Ou seja, o desafio de Brandão é imenso, afinal de contas vai concorrer com festas juninas em cidades que há décadas se arvoram como as maiores do País, como Caruaru e Campina Grande.

O arquiteto Ronald Almeida com Augusto César Maia e de perfil, dra. Élia, sua charmosa sempre otimista e espirituosa musa inspiradora e estrela da vida inteira, como diria Bandeira, o poeta Manuel Pasárgada  
O arquiteto Ronald Almeida com Augusto César Maia e de perfil, dra. Élia, sua charmosa sempre otimista e espirituosa musa inspiradora e estrela da vida inteira, como diria Bandeira, o poeta Manuel Pasárgada  

Literatura entre amigos augustos

O arquiteto Ronald Almeida seu do seu sempre discreto silêncio para saudar o lançamento do livro “No exílio com Gutenberg”, de Augusto César Maia, carinhosamente chamado de Augusto Tampinha pelos boêmios de sua geração.

Diz Ronald que o “pré-lançamento en petit comitê do livro “No exílio com Gutenberg”, coletânea de 41 crônicas (publicadas no jornal O Estado do Maranhão), 2 poemas e 1 glossário telúrico do maranhense Augusto Cesar Maia, nosso embaixador cultural no Rio de Janeiro, também poeta, compositor, escritor, pesquisador de bares maneros, cronista e carnavalesco da escola Flor do Samba, para a qual compôs com Chico da Ladeira o samba enredo mais bonito do Maranhão: ‘Haja Deus’.

Continua: “Por generosidade do carioca honoris causa PHD Augusto César, tive a honra de colaborar na produção editorial, revisão e leitura dos originais dessa saborosa mistura de sabores urbanos e sentimentos humanos das gentes do Rio e de São Luís, estórias vividas em grande estilo no convívio com artistas e personalidades de todos os calibres, incluindo a rainha das cantoras do Brasil, Alcione, o Comendador PH e o Presidente José Sarney”.

Mais: “Esse livro traz um bônus especial, em forma de estampas supimpas: 11 ilustrações em cores de Betto Pereira, o maranhense cantor e compositor consagrado que está se tornando, também, uma das estrelas nacionais das artes plásticas no Brasil. Outro bônus: um inspirado posfácio (na 4a. capa) do trepidante jornalista e cronista Antônio Nelson Faria, general da banda do Baixo Leblon, também carioca honoris causa”.

E arremata avisando que haverá outros lançamentos desse livro auspicioso: “Esse encontro de amigos se deu na sede da agência de publicidade Gringa, de meu filho Adriano Eduardo de Nogueira e Silva, em 23 abril de 2022, que reuniu um grupo de amigos para atualizar as resenhas e saudar o renascimento de Gutenberg by Maia”.

Grandes artistas na Galeria Hum

A Galeria Hum, que faz sucesso no São Francisco e é uma das maiores e com melhor acervo de São Luís iniciou uma Nova Mostra de Arte Contemporânea em sua sede.

Em exposição estão obras de Fernando Mendonça, Marçal Athayde e Cosme Martins.

Vale uma visita neste sábado, véspera do Dia das Mães.

DE RELANCE

Educação de qualidade e inovação

Contribuindo com a construção de um novo modelo de desenvolvimento social e econômico, de base industrial, necessário para o Brasil e para o Estado, o Maranhão conta com uma instituição com 69 anos de história, reconhecida nacionalmente.

Ontem, o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial do Maranhão (SENAI-MA) completou 69 anos como maior parceiro da indústria maranhense.

A instituição, criada em 1953 para qualificar mão de obra, evoluiu junto com o setor, tornando-se referência em educação profissional e tecnológica e inovação.

Nesses 69 anos, o SENAI efetuou mais de 700 mil matrículas, em cursos da iniciação profissional à técnicos, presenciais e a distância. A formação profissional de acordo com as tendências e necessidades das empresas é o que garante a empregabilidade dos ex-alunos e a satisfação dos empregadores: 92% das empresas preferem formandos do SENAI e sete em cada 10 ex-alunos de cursos técnicos estão empregados um ano após a conclusão – nos cursos de graduação, o índice de ocupação chega a 80%.

Academia de Letras realiza sessão aberta

A Academia Maranhense de Letras (AML) realizou, na tarde da última quinta-feira, uma de suas sessões rotineiras na sede do Instituto de Artes Cazumbá, instalado no Teatro Cazumbá.

Convidada pelo acadêmico e diretor do Instituto, Américo Azevedo Neto, a reunião da AML, realizada fora da sede, tem por objetivo aproximar as atividades da Academia da sociedade, levando cada vez mais ações da entidade para perto dos cidadãos maranhenses.

O presidente da AML, o desembargador Lourival Serejo, pontuou que promover uma das reuniões da Academia, no Instituto Cazumbá, é um acontecimento de muita alegria para todos, tendo em vista que é uma forma de extensão da entidade para fora de sua sede, além de prestigiar os trabalhos culturais de um dos seus membros.

Para o anfitrião da sessão, Américo Azevedo Neto, esse acontecimento vai além do prazer, visto que abrir as portas do Instituo Cazumbá para recepcionar discussões importantes da mais erudita instituição literária do estado é um grande reconhecimento.

 [e-s001]

Poesia do olhar lança fotolivro

Após três anos de estudos e produção será lançado na próxima sexta-feira, 13, o Fotolivro Tambores, idealizado pelo Fotoclube Poesia do Olhar. A publicação faz uma releitura fotográfica da obra “Os Tambores de São Luís” do escritor maranhense, Josué Montello.

O lançamento ocorrerá no Blackswan, na Cohama, a partir das 18h e contará com a abertura de uma das duas exposições, que compõem o projeto, com imagens sobre a temática.

O objetivo do projeto é se utilizar de uma grande obra da literatura maranhense e, a partir das imagens produzidas pelos membros do Fotoclube, proporcionar um pensamento crítico e despertar nos leitores uma busca mais profunda sobre a história do estado do Maranhão.

O projeto é composto por um livro fotográfico, duas exposições fotográficas e tem a participação de 19 fotoclubistas, com formas diferentes de interpretar a obra e transformá-la em fotografia.  

Em noitada efervescente no bistrô Alameda Trinta, sexta-feira, Glória e Itaquê Mendes Camara com o Chef premiado Warwick Trinta  
Em noitada efervescente no bistrô Alameda Trinta, sexta-feira, Glória e Itaquê Mendes Camara com o Chef premiado Warwick Trinta  

Almoço-surpresa para festejar 70 anos de Luiz Carlos

Com um almoço-surpresa preparado por sua esposa Melina e servido no gastrobar Quintal Lagoa, do qual é sócio o seu filho Cristiano, foram comemorados com uma tarde alegre e festiva os 70 anos do bem-sucedido empresário Luiz Carlos Cantanhede Fernandes.

Avesso a esse tipo de comemoração, o mais novo setentão da cidade foi surpreendido também pela presença de todos os seus irmãos que vieram de São Paulo, Brasília e Fortaleza e de muitos outros parentes que também vieram abraçá-lo.

Mesmo com a chuva torrencial que desabou sobre a cidade na hora da festa, o ex-presidente José Sarney, 92 anos, compareceu para abraçar o amigo aniversariante e terminou se transformando na grande atração da tarde, pois todos os convidados queriam tirar fotos com ele.

A excelente música do Grupo CDC e do top DJ Sérgio Balata foi um destaque à parte.

Para escrever na pedra:

“A cultura, sob todas as formas de arte, de amor e de pensamento, através dos séculos, capacitou o homem a ser menos escravizado”. De André Malraux.

Festa para o Dia das Mães na Península

O Mothers Day CK, que a designer Cintia Klamt Motta realizou em sua loja de decoração na Península da Ponta d´Areia, no último dia 27, de olho nas vendas de presentes para o Dia das Mães, superou todas as expectativas.

A tarde/noite teve curso de automaquiagem; bate-papo com Guga Fernandes sobre a importância do autocuidado; bate-papo com técnicas de O Boticário sobre os cuidados com a pele; oficina de tiara, degustação e venda de produtos de alta gastronomia; exposição e venda de quadros de Fernando Motta e mega liquidação de peças da Casa Kasar.

Outro detalhe que fez o maior sucesso foi a mostra de mesas decoradas por convidados, entre os quais a portuguesa Alexandra Sousa, a paraense Socorro Azevedo, Rafaela Albuquerque, Bianca Klamt, Lierberth Everton, a própria Cintia e este Repórter PH.

O presidente José Sarney, que é visto com os anfitriões Melina e Luiz Carlos Cantanhede Fernandes, foi a presença mais festejada do encontro festivo em tarde molhada
O presidente José Sarney, que é visto com os anfitriões Melina e Luiz Carlos Cantanhede Fernandes, foi a presença mais festejada do encontro festivo em tarde molhada

 

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter e Instagram e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.