Merecedora

Modelo trans brasileira é vencedora de concurso mundial de beleza na Itália

Victoria nasceu na cidade de Patos de Minas em Minas Gerais.

Na Mira

MUNDIAL - No último final de semana ocorreu o concurso mundial de beleza em Bréscia, na Itália. A modelo Victoria Fernandes, de 29 anos, foi a eleita Miss T World (MTW) 2021. Pela primeira vez a mineira ganha um título deste nível. 

Devido ao cenário pandêmico, a última edição do concurso havia acontecido em 2019 e somente esse ano teve seu retorno. Por esse motivo, a modelo Bella Valentina de Sorriso (MT) foi coroada como "Miss T World 2020" e a modelo tailandesa Valunpath Loysanun como "Miss T World 2022". Entre as 17 concorrentes as três foram as mais votadas e bem avaliadas pelos sete jurados.

Bella Valentina como Miss T World 2020, Victoria Fernandes como Miss T World 2021 e Valunpath Loysanun como Miss T World 2022. (Foto: Reprodução / Instagram)
Bella Valentina como Miss T World 2020, Victoria Fernandes como Miss T World 2021 e Valunpath Loysanun como Miss T World 2022. (Foto: Reprodução / Instagram)

Segundo Victoria, o objetivo do concurso é exaltar a beleza das modelos trans e dar visibilidade para os artistas, estilistas, maquiadores e diversos outros profissionais que fazem parte da comunidade LGBTQIA+.

"A importância de ganhar esse título é trazer visibilidade para as transexuais. Mostrar que também podemos ocupar um espaço e uma posição na sociedade, pois estamos cansadas de ser marginalizadas", disse Victoria.

Por pouco a tão sonhada conquista não iria ter acontecido, pois Victoria estava decidida a não participar mais de concurso nenhum, já que não recebia os resultados esperados. A modelo já estava frustrada pelas injustiças que sofria.

"Pensei em nunca mais participar de concurso algum, mas queria muito poder representar a minha comunidade trans de uma forma limpa e justa, e também ser uma inspiração e dar coragem para muitas meninas não desistirem dos seus sonhos", disse a modelo.

Com apenas três meses faltando para o MTW de 2022, a modelo decidiu que iria entrar na competição. “Em um concurso mundial como esse, eu precisaria de seis meses de preparação, no mínimo. Eu estava decidida a não participar de nada, mas algo me dizia 'vai que esse ano é seu!'. Então comecei todo um trabalho em conjunto com a minha equipe de cabeleireiro, maquiador, estilista e personal trainer”, contou a mineira.

Victoria foi uma das mais bem votadas do concurso. (Foto: Reprodução / Instagram)
Victoria foi uma das mais bem votadas do concurso. (Foto: Reprodução / Instagram)

"Ganhar o MTW é um sentimento indescritível. So quem vive aquele momento sabe. Quando se está de mãos dadas com a outra concorrente é uma mistura de ansiedade, felicidade e medo por estar tão perto de alcançar um sonho e talvez perdê-lo. Mas esse ano foi diferente e eu ganhei", concluiu Victoria.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.