MA: Da Semente ao Sorriso

Pesquisa agropecuária é destaque no II Festival Mercado das Tulhas

Evento gastronômico gratuito reuniu chefs locais e de todas as regiões do Brasil, além de pesquisadores da Embrapa Cocais e quebradeiras de coco babaçu.
Imirante.com, com informações da Embrapa20/09/2019 às 16h35
Pesquisa agropecuária é destaque no II Festival Mercado das TulhasO evento impulsiona a cultura, o turismo, a arte e a gastronomia maranhense e ainda a troca de conhecimento. ( Foto: Divulgação / Embrapa)

MARANHÃO - A Embrapa Cocais esteve presente ao Festival Mercado das Tulhas apresentando produtos da pesquisa agropecuária. Com o tema “Maranhão: Da Semente ao Sorriso”, o evento impulsiona a cultura, o turismo, a arte e a gastronomia maranhense e ainda a troca de conhecimento entre a pesquisa, os chefs, as comunidades agroextrativistas e os consumidores.

Segundo a pesquisadora Guilhermina Cayres, ”a participação da Embrapa Cocais no Festival permite integrar as cadeias produtivas ao conectar e valorizar seus integrantes, desde os produtores e as comunidades extrativistas de quebradeiras de coco e quilombolas que produzem os alimentos, os chefs que os transformam em obra de arte até o consumidor final. Tudo isso embalado com pesquisa e transferência de tecnologia é o que o Festival acontecer”.

O coordenador da Associação Maranhense de Artesãos Culinários (AMAC) e do Festival, o chef Júnior Ayoub, explica que a Embrapa participa desde a primeira edição do evento. “Tudo começou há pouco mais de um ano, quando a pesquisadora Guilhermina Cayres propôs um projeto para envolver a participação dos chefs de cozinha na sua realização e também para conhecerem resultados da pesquisa agropecuária de impacto na culinária maranhense. Na ocasião, fomos à comunidade quilombola Pedrinhas e ao assentamento Cristina Alves com os chefs, o que gerou receitas originais com produtos culinários maranhenses, arroz torrado, feijão biofortificado e produtos do babaçu, todos com potencial de ter valor agregado mediante técnicas de alta gastronomia”, explicou.

Embrapa no Festival

Inaugurando a participação da Embrapa Cocais no evento, dia 24 de agosto, crianças e adolescentes de escolas que participam do Projeto Hortas Pedagógicas da Embrapa estiveram presentes à oficina “Do sorriso de hoje, as sementes do amanhã: das Hortas Pedagógicas à receita e consumo consciente". Na ocasião, as crianças colocaram literalmente as mãos nas hortaliças regionais e fizeram uma deliciosa salada com a supervisão dos chefs Alejandra Maidana, Gopa, Júnior Ayoub e Júnior Lisboa.

Durante o Festival, a Embrapa Cocais marcou presença por meio de atividades variadas e palestras realizadas por seus pesquisadores, analistas e técnicos que confirmaram que a pesquisa é aliada da arte gastronômica na busca de novos sabores e saberes da tradicional culinária maranhense.

A pesquisadora Renata Bonfim fez aula teórica seguida de prática sobre o cultivo de plantas aromáticas e condimentares em pequenos espaços e deu dicas sobre produção de mudas, plantio, adubação, irrigação, controle de pragas e doenças, colheita, entre outros temas. O técnico Júnior Soares ministrou aula teórica seguida de prática sobre implantação de hortas domésticas em pequenos espaços. Entre as vantagens das hortas cultivadas em casas ou apartamentos, citou a reciclagem de material orgânico e de outros tipos que possam servir como vasos, além de a horta servir como terapia ocupacional e ferramenta de integração familiar e ainda para economia com feira e menos consumo de agrotóxico. Júnior Soares instalou um canteiro horizontal com plantas condimentares e aromáticas no espaço A Cozinha, além de um canteiro vertical no estacionamento do hotel, onde chefs e público puderam verificar algumas dessas hortaliças.

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.