🍿

Luz, câmera e ação: oficinas levam cinema ao interior do Maranhão

Pindaré-Miriam será a primeira cidade a receber as atividades realizadas pelo projeto Cultura na Praça. Em seguida, será a vez de Alto Alegre do Pindaré, Bom Jesus das Selvas e Açailândia.

Divulgação / Assessoria

O projeto, que chega à sua quarta edição, com patrocínio do Instituto Cultural Vale via Lei Federal de Incentivo à Cultura.
O projeto, que chega à sua quarta edição, com patrocínio do Instituto Cultural Vale via Lei Federal de Incentivo à Cultura. (Foto: Divulgação)

MARANHÃO - Definir um tema, produzir um roteiro e as filmagens, captar depoimentos e participar da edição e montagem de um filme. Estas são algumas atividades que os integrantes do Cultura na Praça vão vivenciar nos próximos dias. O projeto, que chega à sua quarta edição, com patrocínio do Instituto Cultural Vale via Lei Federal de Incentivo à Cultura, realizará sua primeira oficina para jovens de 13 a 19 anos de Pindaré-Mirim, no período de 14 a 17 deste mês.

O Cultura na Praça é um festival itinerante de cinema que já rodou cerca de 20 mil quilômetros pelo interior do Pará e Maranhão, buscando democratizar o acesso às ferramentas do cinema e valorizar a história, as pessoas e o patrimônio cultural dos municípios beneficiados.

Maria Fernanda está ansiosa para manusear uma câmera cinematográfica pela primeira vez. A adolescente de 16 anos é uma das integrantes da turma de Pindaré-Mirim. “Para mim é tudo novo. Eu nunca tive uma experiência dessas com cinema, por isso, minhas expectativas são altas. Tenho certeza de que irei aprender muito”, disse. 

Para a estudante Estefane Priscila, de 16 anos, que também fará parte da turma de Pindaré, a oficina pode trazer novas perspectivas. “Acho que vou aprender mais sobre essa arte que é o cinema e também terei a possibilidade de conhecer pessoas novas, onde compartilharemos ideias para conseguirmos um bom resultado. Já participei de algumas peças teatrais, mas com cinema é minha primeira experiência”, avaliou.

Em seguida, será a vez dos jovens de Alto Alegre do Pindaré viverem esta experiência. O Cultura na Praça estará no município de 19 a 22 de janeiro. Já em Bom Jesus das Selvas, as atividades serão realizadas no povoado Vila Tropical/Verona, no período de 24 a 27 de janeiro, também para adolescentes e jovens de 13 a 19 anos. A última cidade maranhense que recebe o festival será Açailândia, onde estão programadas duas oficinas: na Vila Ildemar, de 29 de janeiro a 1º de fevereiro, para os jovens de 13 a 19 anos; e outra no Bairro Barra Azul, para pessoas com mais de 45 anos, de 3 a 6 de fevereiro. Na sequência, o festival itinerante segue para quatro cidades do sudeste do Pará.

Como resultado de cada oficina, os participantes terão um curta-metragem pronto, que será exibido para a comunidade. “Nós queremos aproximar o cinema das pessoas e possibilitar que vivenciem experiências novas. Dar condições para que valorizem o patrimônio de cada local, os hábitos, as crenças e deem visibilidade para toda esta riqueza que temos”, explica o coordenador do Cultura na Praça, Cris Azzi.

odos os filmes também serão lançados no Cine Babaçu, plataforma de exibição on-line do Cultura na Praça, que conta com recursos de acessibilidade, como legenda, interpretação em libras e audiodescrição. O endereço é culturanapraca.art.br, onde também já estão disponíveis 25 filmes de curta-metragem realizados pelo projeto

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.