Mais Polêmica

Yasmin Brunet se defende de ataques de Simone Medina e nega existência de vídeo íntimo

A modelo também se defendeu sobre relacionamento homossexual citado.
Na Mira 15/10/2021 às 14h03
Yasmin Brunet se defende de ataques de Simone Medina e nega existência de vídeo íntimoA modelo pediu respeito e esclareceu as insinuações feitas pela sogra. ( Foto: Reprodução / Instagram)

Após mais uma polêmica envolvendo a família Medina e Yasmin Brunet, a modelo veio a público se defender dos ataques proferidos pela sua sogra e sobre os boatos espalhados através de mensagens enviadas por Simone Medina via WhatsApp.

A mãe do surfista teria afirmado, através das mensagens que teria recebido um vídeo de Yasmin, quando ela ainda não era casada com o seu filho, praticando sexo em público e ainda que ela teria relações homossexuais com outras mulheres.

Diante do ocorrido, Yasmin Brunet veio a público para esclarecer as insinuações realizadas pela mãe do seu marido.

"Quero me manifestar sobre algumas notícias que saíram essa semana. Uma delas diz que existiria um vídeo íntimo meu em posse de uma familiar do meu marido. Essa informação não procede. Não existe tal material. E nunca existiu", iniciou a modelo.

Em seguida ela falou também sobre os supostos relacionamentos homoafetivos que ela teria, de acordo com Simone Medina.

Uma outra mentira criada para me atacar seria sobre um suposto relacionamento homoafetivo. Como se viver um amor fosse algo que me ofenderia… e me entristece esse tipo de atitude nos dias de hoje. Eu prezo pelo respeito às mulheres e por todos aqueles que vivem seus amores”, escreveu.

Ela também esclareceu que o motivo de ir a público para falar sobre o assunto é a irritação que ela e Gabriel Medina sentem ao ver os seus nomes cada vez mais sendo alvos de espetacularização e pediu respeito.

“E só estou vindo a público porque eu e Gabriel estamos cansados dessa espetacularização da nossa vida. E para acabar também com essas especulações e criações, que são uma tentativa lastimável de tentar atacar a minha honra. Com ou sem vídeo, com ou sem um relacionamento homoafetivo, eu, todas as mulheres e todos os LGBTQIA+ merecemos respeito!”.

Leia outras notícias em PortalNamira.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

Selo IVC
© 2019 - Todos os direitos reservados.