Carreira

Juju Salimeni diz que era tratada como "lixo" no ''Pânico

A apresentadora considera o programa machista e diz que o conteúdo não faria sucesso atualmente.

Na Mira

- Atualizada em 26/03/2022 às 19h15
Juju Salimeni.
Juju Salimeni. (Reprodução)

Juju Salimeni, desabafou sobre o período em que participou do programa Pânico como Panicat, na época da RedeTV. Em seu relato, a apresentadora considera o programa machista e diz que o conteúdo não faria sucesso atualmente.

"Não era feliz, mas não posso reclamar. Foi um treinamento de guerra. Não cuspo no prato em que comi, mas não era saudável mentalmente", disse ela, ao jornalista Léo Dias, em entrevista publicada neste domingo (31), reforçando que foi feliz como assistente de palco do Legendários.

Questionada sobre como era tratada, Juju disparou: "Lixo. Mulher era um pedaço de carne. Mas meu sustento vinha dali. A gente ganhava R$ 200 por gravação. Se tivesse uma só no mês ou duas, era isso. Mas tínhamos vários eventos, presenças VIP... não parávamos. Foi um ótimo início".

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.