Abrindo o Verbo

Maranhão é contemplado com o programa Rouanet nas Favelas

O presidente estadual da Cufa Maranhão, Charles Adaga, concedeu entrevista ao programa Abrindo o Verbo.

Rádio Mirante AM

- Atualizada em 11/11/2023 às 10h57
O presidente estadual da Cufa Maranhão, Charles Adaga, concedeu entrevista ao programa Abrindo o Verbo.
O presidente estadual da Cufa Maranhão, Charles Adaga, concedeu entrevista ao programa Abrindo o Verbo. (Rádio Mirante AM)

SÃO LUÍS – O Ministério da Cultura (MinC) lançou o programa Rouanet nas Favelas, em São Luís, inclusive, contou com a presença da ministra Margareth Menezes. A iniciativa é resultado de uma parceria entre o MinC, Central Única das Favelas (Cufa) e a Vale. O investimento é de R$ 5 milhões. Nesta segunda-feira (30), Charles Adaga, que é presidente estadual da Cufa Maranhão, concedeu entrevista ao programa Abrindo o Verbo da Mirante AM.

“Tenho uma visão de que esse momento foi um momento histórico para as favelas de todo o Brasil até porque o projeto que vai se iniciar se chama programa Rouanet nas Favelas. Foi um programa que foi lançado agora pelo Ministério da Cultura para cinco estados neste primeiro momento. Então, o Maranhão foi o anfitrião nesse encontro junto com o Pará, Goiás, Bahia e Ceará”, declarou Charles Adaga.

Ouça: 


 

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram, TikTok e canal no Whatsapp. Curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.