Vai ter ônibus!

Sindicato dos Rodoviários suspende paralisação de ônibus durante o Carnaval em São Luís

Sttrema cancelou greve após empresas garantirem cumprimento de acordo financeiro.
Imirante.com01/03/2019 às 20h47
Sindicato dos Rodoviários suspende paralisação de ônibus durante o Carnaval em São LuísÔnibus vão circular normalmente durante o Carnaval. (Foto: divulgação)

SÃO LUÍS – Em nota divulgada na noite desta sexta-feira (1º), o Sindicato dos Rodoviários do Maranhão (Sttrema) anunciou a suspensão da paralisação de ônibus na Região Metropolitana de São Luís, marcada para as primeiras horas deste sábado (2). De acordo com o Sttrema, as empresas de ônibus se posicionaram e garantiram o cumprimento do acordo celebrado no Tribunal Regional do Trabalho (TRT-MA), em dezembro de 2018, que prevê reajuste de 7% nos salários e também no valor do ticket alimentação dos rodoviários. Na última quinta-feira (28), o TRT-MA determinou a suspensão imediata do movimento grevista.

Quanto às cláusulas econômicas, os empresários se comprometeram a realizar os pagamentos devidos, com os valores reajustados, neste mês de março. “Diante da resposta dos patrões, e em respeito aos usuários do transporte público e a recomendação feita pelo TRT-MA, a paralisação dos ônibus está oficialmente suspensa”, diz a nota do Sttrema.

Apesar da suspensão da greve, o Sttrema ressalta, em nota, que a luta continua. O Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros de São Luis (SET) sinalizou uma reunião com os rodoviários para, juntos, discutirem os demais itens que compõem a nova Convenção Coletiva de Trabalho.

Entenda o caso

Depois de realizarem, nas primeiras horas da última terça-feira (26), uma paralisação de advertência nas cinco maiores empresas de ônibus de São Luís, o Sttrema informou o início de uma greve na manhã de sábado (2), atingindo todo o sistema de transporte público, em protesto contra o descumprimento da nova Convenção Coletiva de Trabalho, acordada entre empresários e rodoviários em dezembro de 2018.

Na Nova Convenção Coletiva, assinada em audiência no Tribunal Regional do Trabalho, ficou acordado que os rodoviários receberiam salários e ticket alimentação com os valores reajustados, o que não aconteceu. Desde o início de fevereiro, o presidente do Sttrema, Isaías Castelo Branco, tenta resolver a situação na Justiça, mas o Sindicato não obteve resposta favorável. Os empresários, por sua vez, alegam que o reajuste nas tarifas de ônibus de São Luís, autorizado pela prefeitura em janeiro, não foi suficiente para cumprimento da nova Convenção.

Mesmo com o reajuste nas tarifas, concedido pela Prefeitura de São Luís, os empresários não cumprem acordo com os rodoviários. Há um mês, os preços das tarifas de ônibus do sistema de transporte foram reajustados e passaram a custar R$ 3,40 nas linhas integradas e R$ 2,95 nas linhas não integradas.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.