Prisão

Suspeito de cometer duplo feminicídio em salão de beleza é preso em Imperatriz

Crime aconteceu na manhã desta terça-feira (16); as vítimas foram a ex-namorada do suspeito e uma diarista do salão.
Imirante.com16/11/2021 às 21h50
Suspeito de cometer duplo feminicídio em salão de beleza é preso em ImperatrizUlisses Lima Lucena foi preso na noite desta terça-feira (16). (Reprodução)

IMPERATRIZ - Investigadores da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e do Grupo de Pronto Emprego da Polícia Civil (GPE) efetuaram, na noite desta terça-feira (16), a prisão de Ulisses Lima Lucena, na Avenida Jacob, no bairro Vila Redenção II, em Imperatriz. Ulisses é suspeito de praticar um duplo feminicídio em um salão de beleza no bairro Nova Imperatriz: entre as vítimas, está a ex-namorada de Ulisses, identificada como Rayane Morais, de 29 anos.

Leia também:

Duplo feminicídio é registrado em salão de beleza, em Imperatriz

De acordo com informações policiais, Ulisses Lima chegou ao salão de beleza no fim da manhã desta terça-feira, em um carro vermelho, e atirou contra as pessoas que estavam no local. Rayane Morais e uma diarista, identificada como Iraildes, não resistiram aos ferimentos e morreram no local do crime. Uma terceira vítima, que trabalha como manicure no salão, levou um tiro de raspão e foi encaminhada ao hospital.

A polícia também informou que Ulisses Lima teria cometido o duplo feminicídio por não se conformar com o fim do relacionamento com Rayane Morais. No último domingo (14), Rayane procurou a Delegacia Regional de Imperatriz para registrar um boletim de ocorrência: a jovem relatou que Ulisses invadiu a casa dela, quebrou objetos e agrediu seu namorado.

Rayane Morais disse ainda que Ulisses Lima só foi embora após a Polícia Militar ser acionada no local. Pouco depois, o suspeito a ameaçou por telefone, afirmando que ela poderia ir na polícia que, ainda assim, iria matá-la. O delegado regional Alex Andrade revelou que uma medida medida protetiva a favor de Rayane foi concedida pela Justiça após o boletim de ocorrência.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.