Coronavírus

"Devemos valorizar mais a família", diz grávida curada da Covid-19 no Maranhão

Aldeene Nascimento vai comemorar o Dia das Mães com um sentimento ainda mais especial.
Imirante.com, com informações da Agência Secap09/05/2020 às 19h02
"Devemos valorizar mais a família", diz grávida curada da Covid-19 no MaranhãoAldeene da Silva Nascimento, grávida de 16 semanas, está curada do coronavírus. (Divulgação)

IMPERATRIZ - Diante da pandemia do novo coronavírus enfrentada mundialmente, o isolamento social se tornou necessário para evitar o aumento descontrolado dos casos da doença e, com isso, fomos orientados a nos afastar das pessoas que amamos por medidas de segurança. O Dia das Mães, comemorado neste domingo (10), terá um sentido especial para todos, ainda mais para pacientes recuperados da Covid-19, que no Maranhão já são mais de 1.500. Para Aldeene Nascimento, grávida de 16 semanas, a comemoração vai ser ainda mais especial depois da alta do Hospital Macrorregional Dra. Ruth Noleto, em Imperatriz.

“Agradeço a Deus por tudo. Essa experiência foi como um renascimento. A lição que eu tirei disso tudo, é que devemos valorizar mais a família e os nossos filhos. Esse Dia das Mães será muito especial para mim. Estar com meus filhos, poder abraçá-los é uma grande vitória e uma felicidade imensa”, fala a dona de casa Aldeene da Silva Nascimento, 32 anos, grávida de 16 semanas e mãe do Marcos Riquelmy, de 12 anos, e da Irislanny Kristiny, de 7.

Aldeene conta que quando foi diagnosticada com a doença, viu seu mundo desabar. “Quando recebi o diagnóstico de que estava com a Covid-19, meu mundo desabou, primeiro pelas notícias que sempre ouvia, e segundo pelos meus filhos e minha família, pelo medo de não poder mais vê-los. Logo porque tive muito contato com eles durante os dias anteriores ao diagnóstico positivo, e só pensava que podia ter passado a doença para eles” diz a dona de casa.

Todas as 21 pessoas da sua família ficaram em isolamento domiciliar recebendo os cuidados necessários e receberam alta da quarentena na última quinta-feira (7). “Minha felicidade só aumenta em saber que todos estão bem”, comemora. A volta para casa da Aldeene aconteceu depois de 4 dias de internada em um leito clínico do Hospital Macrorregional Dra. Ruth Noleto, em Imperatriz, onde passou respirando com auxílio de um balão de oxigênio por conta da constante falta de ar.

O momento da alta do tratamento hospitalar foi regado a uma emocionante homenagem do corpo clínico. Equipe a quem ela agradece por todo o cuidado recebido. “Durante os dias que passei sob cuidados médicos fui muito bem tratada. Sempre que iam me medicar, me davam palavras de apoio, carinho e diziam que eu ia sair dessa. Então, agradeço muito à equipe e oro a Deus todos os dias por eles. Porque sei que estão lutando na linha de frente contra essa doença, e a única ajuda que podemos dar é a nossa oração pedindo a proteção de Deus. A equipe do macrorregional está de parabéns. Serei eternamente grata a todos”, diz a dona de casa.

A chegada em casa não foi menos emocionante. Ao som de fogos de artifício, dona Aldeene da Silva foi recebida no município de Governador Edison Lobão pelos filhos e demais familiares com uma grande festa. “Foi um dos melhores dias da minha vida, quando cheguei em casa, e vi minha família reunida me esperando, com foguetório, me senti privilegiada por perceber o tamanho do amor e carinho deles por mim, e só tenho a agradecer a todos eles. Tenho certeza de que, sem o amor deles, não teria conseguido suportar esses dias de aflição”, relata.

Agora Aldeene pode comemorar mais um Dia das Mães com um sentimento ainda mais especial. “O meu sentimento é de gratidão. Hoje, mais do que nunca, eu agradeço a Deus por estar ao lado da minha família e comemoro não só pela minha saúde, mas pela saúde de todos que estão a minha volta. Será uma comemoração ainda mais cheia de amor e carinho, e que todos os recuperados possam estar ao lado de quem amam comemorando esta data tão especial que é o Dia das Mães”, deseja emocionada.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.