Prisão

Acusado de matar mulher a facadas em Grajaú é preso no Tocantins

Samuel da Silva Santos foi localizado pela polícia no município de São Miguel do Tocantins.
Imirante.com07/05/2019 às 20h54
Acusado de matar mulher a facadas em Grajaú é preso no TocantinsSamuel da Silva Santos foi preso nesta terça-feira (7). (Divulgação)

SÃO MIGUEL DO TOCANTINS – Policiais do 14º Batalhão da Polícia Militar prenderam, na noite desta terça-feira (7), um homem acusado de participação no assassinato de Thalia Nielly de Sousa Silva, ocorrido na última sexta-feira (3), no município de Grajaú, a 580km de São Luís. Samuel da Silva Santos foi localizado pela polícia na casa de uma irmã, no povoado Grota do Meio, pertencente ao município de São Miguel do Tocantins (TO).

Leia também: Mulher é morta com vários golpes de faca em Grajaú

A operação policial cumpriu um mandado de prisão temporária contra Samuel da Silva Santos, expedido pela Justiça de Grajaú. Samuel Santos é o segundo preso suspeito de participação no assassinato de Thalia Nielly: poucas horas depois do crime, no dia 3, Gabriel Silva Araújo foi detido em Grajaú.

Samuel da Silva Santos foi apresentado no Plantão Central e será encaminhado, na manhã desta quarta-feira (8), para a Unidade Prisional de Ressocialização de Imperatriz, onde ficará à disposição do Poder Judiciário.

Entenda o caso

O corpo de Thalia Nielly de Sousa Silva foi encontrado em um matagal na manhã da última sexta-feira (3), no bairro Ipem Grajaú, com 23 golpes de faca e um grande corte no pescoço. De acordo com o delegado Renilton Ferreira, Thalia Nielly foi vista com vida pela última vez em um bar próximo ao local onde foi morta.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.