Deu Papão!

Cletinho faz golaço, Moto Club vence o Retrô e avança na Pré-Copa do Nordeste

Meia abriu a vitória com um lindo gol de bicicleta no Nhozinho Santos.
Eduardo Lindoso/ O Estado 13/10/2021 às 17h06
Moto Club bateu o Retrô-PE no estádio Nhozinho Santos

SÃO LUÍS – Com um golaço de Cleitinho e um pênalti defendido por João Paulo, o Moto Club venceu o Retrô-PE, por 3 x 2, na tarde desta quarta-feira, 13, no Nhozinho Santos, e avançou para a 2ª fase da pré-Copa do Nordeste 2022. Agora o Papão vai enfrentar o América-RN, time que eliminou os maranhenses na Série D, na quinta-feira, 21, na Arena das Dunas, em Natal, pela 2ª fase das eliminatórias do Nordestão. Os gols do Rubro-Negro foram marcados por Cleitinho, de bicicleta, Wallace Lima, de pênalti, e Gustavo, de cabeça. Erivelton e Mayco fizeram para os visitantes.

"Pintura" no Nhozinho Santos

Times começaram a partida de forma tímida, e, com Márcio Diogo, o Moto Club deu seu primeiro chute ao gol, e errou o alvo, aos quatro minutos. Em casa, o Rubro-Negro passou a dominar as ações do jogo, mas sem cria tanto perigo ao goleiro Jean. Aos oito, o time de Pernambuco reagiu com Otávio, que chutou para o gol, mas mandou para fora.

Quando o Retrô tentava nivelar a partida, o volante Romarinho entrou de forma violenta no lateral Diego Renan e foi expulso, deixando a equipe visitante com menos um ainda no início do confronto.

Aos 19, enfim, o Moto fez valer sua vantagem numérica e assustou o adversário: Henrique arrancou e mandou uma bomba, que passou muito perto do ângulo, assustando Jean. Cleitinho teve uma boa chance, aos 25, depois de a bola sobrar em um escanteio, mas finalizou mal. Mesmo em vantagem, o time Rubro-Negro não conseguia se impor no ataque, e a torcida passou a ficar um pouco mais apreensiva no Nhozinho Santos.

Aos 36 minutos o Moto acertou o alvo, mas sem muito perigo. Cletinho cobrou falta, Gustavo acertou a cabeçada e Jean defendeu. No minuto seguinte o Retrô respondeu: Guilherme fez boa jogada pela esquerda, cruzou e Felipe Alves quase marca de cabeça, jogo ficou lá e cá.

Wallace Lima perdeu uma chance incrível aos 38. Esquerdinha chutou, a bola sobrou para o centroavante, que bateu muito fraco e desperdiçou ótima chance de abrir o placar para os maranhenses.

No final do primeiro tempo o goleiro Jean falhou, mas Lucas Hulk não aproveitou a chance, aos 46 minutos. Porém, quando tudo indicava que as equipes iriam para os vestiários sem alteração no placar saiu uma “pintura” no Gigante da Vila Passos: Cleitinho acertou uma linda bicicleta, em cruzamento de Lucas Hulk, mandou a bola no fundo das redes e deixou o Moto Club na frente: 1 x 0. Fim da primeira etapa.

Emoção até o fim

Zagueiro Gustavo fez o segundo gol do Papão

Mesmo na frente do placar, o Moto Club começou a segunda etapa com mais presença no ataque, enquanto o Retrô só se defendia. E logo aos sete minutos, o Papão foi premiado pelas iniciativas. Everton Silva bateu escanteio e Gustavo acertou a cabeçada no meio dos marcadores para ampliar: 2 x 0 Moto Club.

Aos 10 minutos Keven foi expuslo por entrada dura em Branquinho deixando as duas equipes com 10 jogadores em campo. No minuto seguinte, Potiguar bateu fata com precisão, no canto esquerdo, com uma bola rasteira, e João Paulo fez uma linda defesa, salvando o Moto.

Quando o Retrô se assanhava depois da expulsão no Moto veio o terceiro. Wallace Lima fez boa jogada, foi derrubado na área por Denilson, e sofreu pênalti. O camisa nove mesmo bateu e ampliou: 3 x 0. No minuto seguinte, o time pernambucano armou uma jogada rápida, e, após bom passe, Erivelton chutou, João Paulo ainda tocou na bola, mas não evitou o gol: 3 x 1.

Aos 25 João Paulo salvou o Moto mais uma vez. Rodrigo Barreto bateu com a mão na bola, o árbitro marcou pênalti, na cobrança o goleiro motense pegou o chute de Cauê. Aos 29 Wallace Lima marcou mais uma vez, mas foi marcado impedimento.

Com a partida sem muita emoção, o Retrô voltou a incendiar o duelo. Aos 40 minutos, Mayco escorou cruzamento que veio da esquerda e botou no canto direito de João Paulo: 3 x 2 e muita emoção. Daí em diante a partida ficou tensa, com jogadores nervosos, mas o Moto segurou o placar até o fim.

FICHA TÉCNICA

MOTO CLUB 3 X 2 RETRÔ

Local: Estádio Nhozinho Santos

Árbitro: Wagner Francisco Silva Souza(BA)

Assistentes: Marcos Welb Rocha de Amorim (BA) e Danila Borges Martins (BA)

MOTO CLUB

João Paulo; Diego Renan (Everton Silva), Gustavo, Keven e Esquerdinha; Codó (Ronald Camarão), Lucas Hulk e Cleitinho (Rodrigo Barreto); Márcio Diogo (Vander), Wallace Lima e Henrique (Leal). Técnico: Zé Augusto.

RETRÔ-PE

Jean; Potiguar, Ruan, Denilson e Guilherme; Romarinho, Charles (Erivelton), Otávio e Tallyson (Kauê); Janderson (Branquinho) e Felipe Alves (Mayco). Técnico: Dico Woolley.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.