Bolívia

União e isolamento: a estrategia do Sampaio antes do clássico

Treinos antes do jogo contra o Moto Club ocorreram sem a presença da imprensa

Thiago Bastos / Imirante Esporte

- Atualizada em 10/03/2023 às 16h37
Treinos antes do jogo contra o Moto Club ocorreram sem a presença da imprensa
Treinos antes do jogo contra o Moto Club ocorreram sem a presença da imprensa (Ronald Felipe)

SÃO LUÍS - O Sampaio Corrêa adotou novamente uma estrategia usada em momentos de instabilidade do time nos últimos anos. Além de afastar a imprensa do CT José Carlos Macieira, o clube decidiu publicar menos informações de treinamentos e dia-a-dia dos jogos. Tudo para tirar qualquer vantagem possível do Moto no “Superclássico” de domingo (12) às 18h com total cobertura do Imirante Esporte.

Na quinta-feira, por exemplo, pela manhã, a assessoria do Sampaio Corrêa emitiu nota informando que o treinamento seria aberto, com indicações de entrevistados. No entanto, horas mais tarde, por determinação da diretoria (segundo o próprio clube), o Sampaio decidiu fechar os treinamentos.

A imprensa também ainda não teve contato direto com o novo técnico do Sampaio, Evaristo Piza, que desembarcou na Ilha desde terça-feira (7). O Sampaio ainda não confirmou oficialmente, mas deverá realizar um treinamento reservado na véspera do duelo contra o Moto.

A tendência é que Piza, já regularizado desde sexta-feira (10) no Boletim Informativo Diário (BID), esteja no banco de reservas pela primeira vez comando o Sampaio diante do Moto. 

Pelo regulamento da competição, o Sampaio - mesmo com melhor campanha do que o adversário - não terá qualquer vantagem de empate na disputa, em jogo único nesta etapa. 

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.