Adrenalina

Maranhão terá presença marcante no Rally Piocerá 2023

Estado terá mais de 20 atletas na competição, que terá largada inédita em Barreirinhas.

Eduardo Lindoso / Imirante Esporte

- Atualizada em 20/01/2023 às 13h12
João Afro será um dos pilotos do Maranhão na competição
João Afro será um dos pilotos do Maranhão na competição (Reprodução / TV Mirante)

SÃO LUÍS – O Maranhão estará representado por um grande número de atleta no Rally Piocerá 2023, que começa nesta segunda-feira (23), com largada inédita na cidade de Barreirinha, no interior maranhense. Mais de 20 atletas do estado estarão na disputa desta 36ª edição do evento, batizado de “Rota das Emoções”. Serão mais de 1.000 km de um percurso que passará pelo Maranhão, Piauí e Ceará, em apenas quatro dias.

O Maranhão estará representado nas bikes, moto, carros e UTV’s. A maioria desses atletas fazem parte da equipe Maranhão Rally. Serão quatro carros, 2 UTV’s, pelo menos cinco motos e duas bikes. Pela primeira vez na história, o evento começará em Barreirinhas (MA). De lá, os competidores seguem para Parnaíba (PI), Camocim (CE), Icaraí de Amontada (CE), até chegarem na Praia do Cumbuco, no município de Caucaia (CE).

Em sua sexta edição do Rally Piocerá, o piloto maranhense João Afro, que vai competir nos “Carros 4x4 Graduados”, falou sobre mais uma oportunidade de participar do evento. “A expectativa é boa, porque a gente larga pela primeira vez de Barreirinhas. A galera vai correr na areia. É nossa casa, estamos acostumados a andar nesse tipo de piso. Então, montamos uma equipe grande. Conseguimos reunir, quatro pilotos de carro, dois de UTV, cinco de moto, dois de bike, para participarmos desse rali. Estamos com uma expectativa boa. Já é a minha sexta participação no Cerapió. Foram dois anos como navegador, quatro como piloto”, comentou Afro, falando sobre a equipe Maranhão Rally.

Se Afro esbanja experiência, o jovem Caio Alencar, de 18 anos, espera estrear bem como piloto, em sua primeira edição no Piocerá. Caio já competiu em outros ralis, mas sempre como navegador do pai, Manoel Alencar. Agora os papeis se inverteram. “Nós [ele e o pai] competimos sete ralis no passado, ganhamos seis. Mas agora estou iniciando como piloto, ele pela primeira vez como navegador, ao meu lado. Estamos com uma boa expectativa para mais esse rali, vamos na categoria júnior, para começar nessa minha carreira como piloto”.

A TV Piocerá 2023 vai apresentar durante a competição um programa diário com informações, melhores momentos de todas as modalidades, entrevistas com os competidores, além de curiosidades e histórias do evento acumuladas ao longo de 36 anos. De 23 a 27 de janeiro, às 20h, no YouTube do Rally Cerapió Piocerá.



 

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.