Série D

Moto se resguarda nos bastidores para evitar perda de mando

Objetivo é diminuir qualquer dano ao clube em caso de denúncia

Thiago Bastos / Imirante Esporte

Objetivo é diminuir qualquer dano ao clube em caso de denúncia
Objetivo é diminuir qualquer dano ao clube em caso de denúncia (Matheus Soares)

SÃO LUÍS - O Moto Club se prepara nos bastidores para uma eventual denúncia a ser oficializada por objeto arremessado por um torcedor durante a partida do clube contra o Pacajus (CE) neste domingo (26) pela Série D do Brasileiro.

O torcedor, de acordo com o que apurou o Imirante Esporte foi identificado e o nome do responsável foi citado em súmula, conforme consta no site da Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

No entanto, o que agrava a situação do time maranhense é que o Moto é reincidente, já que diante do Tocantinópolis, no dia 19 deste mês, também no Municipal, outro objeto foi arremessado.

Caso o clube seja denunciado, mesmo com o atenuante da identificação do torcedor, o clube pode ser punido com perda de mando de campo em eventual fase mata-mata.

O elenco rubro-negro se reapresenta nesta terça-feira (28) visando a partida diante do Juventude Samas neste sábado (2) às 15h30 no Estádio Pinheirão em São Mateus pela Série D.

Um empate pode classificar o Moto para a próxima fase.

 

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.