Paralimpíada

Maranhense Pâmela Cristina leva bronze com a seleção feminina de vôlei sentado na paralimpíada

A atleta maranhense Pâmela Cristina foi uma das protagonistas do jogo.
Imirante Esporte, com informações da Agência Brasil04/09/2021 às 12h33
Maranhense Pâmela Cristina leva bronze com a seleção feminina de vôlei sentado na paralimpíadaFoto: Wander Roberto/CPB

TÓQUIO - A seleção brasileira feminina de vôlei sentado venceu neste sábado (4) o Canadá por 3 sets a 1 e conquistou medalha de bronze na Paralimpíada de Tóquio. O confronto ocorreu no Centro de Convenções Makuhari Messe, na cidade de Chiba.

Leia também:

Maranhense Jardiel Soares é ouro com a seleção de Futebol 5 que conquista pentacampeonato paralímpico

As brasileiras saíram na frente, vencendo o primeiro set por 25 a 15. As canadenses reagiram, e fecharam o segundo set por 26 a 24. Na sequência, só deu Brasil, que obteve êxito no terceiro set, por 16 a 24, e no quarto, por 25 a 14.

O bronze em Tóquio foi o segundo pódio na história da seleção brasileira. Na Rio 2016, ela conquistou a primeira medalha na modalidade ao faturar o bronze.

Já a seleção masculina ficou fora do pódio após perder a disputa pelo bronze para a Bósnia Herzegovina por 3 sets a 1, com parciais de 23/25, 25/19, 25/18 e 25/11. Os brasileiros nunca conquistaram medalha na história dos Jogos. Nesta atual edição do evento, repetiram o mesmo feito da Rio 2016, terminando na quarta colocação.

Quem levou o ouro foi o Irã, que venceu o Comitê Paralímpico Russo por 3 sets a 1, com parciais de 25/21, 25/14, 19/25 e 25/17.

A atleta maranhense Pâmela Cristina, de 35 anos, que integra a seleção brasileira feminina de vôlei sentado, comemorou e agradeceu a torcida pelo título.

"Que orgulho eu tenho de representar duas cidades 1 que me acolheu de braços abertos e 'aonde conheci o esporte, e onde moro hoje com a minha família obrigada Goiânia. Outra e minha cidade onde nasci e fui criada Balsas Maranhão quem diria, olha onde estou, obrigada a todos por tanto carinho e amor sou muito grata. Sou medalhista de bronze Tokyo 2020 . Obrigada Trezidela de açúcar meu bairro que morava em Balsas sei que todos meus amigos e amigas estão orgulhosos de mim. Sou medalhista beijos meu pai que onde vc estiver sei que está orgulhoso de sua filha. (Valderedo )esporte para todos te amo", publicou Pâmela no Instagram.

Campanha das brasileiras

A seleção brasileira iniciou a trajetória na Paralimpíada de Tóquio 2020 em um jogo bastante equilibrado, mas saiu com vitória por 3 sets a 2 contra o Canadá. Em seguida, venceu, com segurança, o anfitrião Japão por 3 sets a 0 e derrotou a Itália por 3 sets a 1, terminando a fase de grupos com 100% de aproveitamento.

Nas semifinais, o Brasil acabou tropeçando contra os Estados Unidos por 3 sets a 0, e, consequentemente, disputando a medalha de bronze na competição.

Final

A Final do vôlei sentado feminino vai acontecer neste sábado (4), ás 22h (horário de Brasília). O medalhista de ouro vai sair do confronto entre Estados Unidos e China. O confronto acontecerá no Centro de Convenções Makuhari Messe, na cidade de Chiba.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.