Fórmula 1

F1: Mercedes dará mais liberdade a Hamilton e Rosberg

Além disso, o chefe da Mercedes destacou a evolução da equipe nos últimos anos.
Gazeta Esportiva11/03/2016 às 16h10

MUNDO - As duas últimas temporadas da Fórmula 1 foram amplamente dominadas pela Mercedes. Se Lewis Hamilton sagrou-se campeão em 2014 e 2015, Nico Rosberg bateu na trave e ficou com os dois vices. O chefe da equipe, Toto Wolff, quer manter a boa fase da escuderia, deixando os pilotos mais livres.

Embora sejam do mesmo time, Hamilton e Rosberg protagonizam uma rivalidade e o embate entre os dois pode ser intensificado. Isto porque Wolff revelou que os pilotos poderão adotar estratégias diferentes durante uma corrida.

“Para que as conquistas fossem possíveis, aprendemos algumas lições interessantes e evoluímos como organização. Com Nico e Lewis, que estão juntos há alguns anos, está funcionando muito bem. Assim, nós devemos isso a eles e à Fórmula 1. Deixaremos eles correrem como quiserem. A mudança fará com que as corridas sejam um pouco mais duras para a equipe às vezes, mas isso é absolutamente necessário”, declarou Toto.

Além disso, o chefe da Mercedes destacou a evolução da equipe nos últimos anos.

“Em 2013, quando começamos o projeto, houve uma grande pressão sobre a equipe, a fim de que alcançasse os resultados e ganhasse corridas. E nós conseguimos. Em 2014, ganhamos o campeonato e confirmamos que não foi sorte em 2015″, completou o austríaco.

Leia outras notícias em ImiranteEsporte.com. Siga, também, o Imirante no Twitter, Instagram, curta nossa página no Facebook e se inscreva no nosso canal no Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do WhatsApp pelo telefone (98) 99209-2383.

© 2019 - Todos os direitos reservados.