Campeonato Inglês

City vence Wolverhampton com hat-trick de Haaland e se aproxima do líder Arsenal

Norueguês anotou três gols e foi fundamental para que o time de Pep Guardiola encostasse na ponta.

Gazetapress

- Atualizada em 22/01/2023 às 17h34
Haaland  subiu alto para marcar para o Manchester City
Haaland subiu alto para marcar para o Manchester City (Reprodução / Twitter Manchester City)

SÃO PAULO - O Manchester City recebeu o Wolverhampton na manhã deste domingo (22), no Etihad Stadium, e contou com brilho de Haaland para vencer o jogo pelo placar de 3 a 0. O norueguês anotou um hat-trick e foi fundamental para que o time de Pep Guardiola encostasse no Arsenal, em busca da liderança do Campeonato Inglês.

Esta foi a quarta vez que o atacante marcou três gols em uma mesma partida com a camisa do City. Agora, já são 25 bolas na rede em 20 compromissos disputados na Premier League.

A distância entre a equipe de Manchester e o Arsenal, no momento, diminuiu para dois pontos. Os Gunners, contudo, podem voltar a abrir cinco de vantagem na ponta caso vençam o Manchester United, ainda neste domingo, às 14h30 (de Brasília).

Já os Wolves caíram para o 17º lugar, com os mesmos 17 pontos do Bournemouth, primeira equipe dentro da zona de rebaixamentos.

O City volta a campo nesta sexta-feira, em confronto diante do Arsenal, mas pela quarta fase da Copa da Inglaterra. Já o próximo duelo do time na Premier League está marcado para o outro domingo, dia 5 de fevereiro, contra o Tottenham.

Como foi o jogo?

O City foi o dono da etapa inicial, tendo a possa de bola durante a maior parte do tempo e construindo as melhores oportunidades de gol. A primeira chance de perigo aconteceu aos 18 minutos, em chute de Haaland defendido pelo goleiro José Sá.

Aos 28', foi a vez de Grealish arriscar de fora da área e obrigar o arqueiro português a trabalhar. Os donos da casa só foram abrir o placar aos 39'. O gol saiu da combinação mais eficaz da competição, até aqui: assistência de De Bruyne para Haaland, que completou de cabeça para estufar as redes.

Mal deu tempo do Wolverhampton buscar a reação no segundo tempo e Haaland já havia marcado mais um. Desta vez, com apenas quatro minutos no relógio, Gundogan foi atingido dentro da área e o árbitro assinalou a penalidade. O norueguês, então, tirou do goleiro e converteu a cobrança: 2 a 0.

Ainda deu tempo do atacante anotar o terceiro, aos 8'. José Sá saiu jogando errado, e Mahrez deixou Haaland na boa ampliar o marcador. O argelino chegou a fazer o quarto, aos 20', mas o tento foi anulado por impedimento do jogador.

Leia outras notícias em Imirante.com. Siga, também, o Imirante nas redes sociais Twitter, Instagram e TikTok e curta nossa página no Facebook e Youtube. Envie informações à Redação do Portal por meio do Whatsapp pelo telefone (98) 99209-2383.